21 Janeiro 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioOpiniãoO sexo e a igreja

O sexo e a igreja

Desde há séculos que a Igreja Católica sofre duma intransigente misoginia considerando a mulher como uma das fontes de pecado. Essa ideia vem logo desde os primórdios da história ficcionada da origem da nossa espécie colocando o ónus da expulsão do Paraíso do casal humano na Eva que levou Adão a comer o fruto proibido.

- PUB -

Sabemos que Jesus sempre  considerou a mulher numa posição de primeira fila pois Sua mãe – Maria – e Maria Madalena teve até teve o privilegio de ser a primeira a verificação da Sua ressurreição, correndo a dar a notícia fundamental da nossa religião aos apóstolos. E chamo-lhe noticia fundamental pois – como diz S. Paulo – “se jesus não ressuscitou vã é a nossa Fé”, Consta que algum dos apóstolos seriam homens casados, e as mulheres santificadas através dos tempos são numerosas.

Dizem muitos teólogos que na investigação a fundo das  fontes do cristianismo não há fundamento credível para a exigência do celibato para os presbíteros que orientam o “povo de Deus”. E passaram séculos sem tal situação ser posta em questão.  No Cristianismo foram sucedendo cisões e surgindo diferentes orientações por causas que não vêm agora para este debate – por que de um verdadeiro debate se trata – mas nalgumas dessa Igrejas separadas de Roma o casamento doe sacerdotes é normal ou opcional.

Não sei bem quando se começou a levantar o problema de abusos sexuais por sacerdotes, mas o problema que era murmurado em surdina veio nos últimos anos para as primeiras páginas dos jornais por esse mundo fora. Para já quero fazer uma ressalva neste artigo de opinião: o assédio sexual e os abusos sexuais são um grave problema das nossas sociedades e abundam tais crimes até no seio de muitas famílias nada a ver com a Igreja e os ´órgãos de informação tratam este problema duma maneira que parece que é um crime exclusivo dos sacerdotes o que é um enorme engano. O crime tem a mesma gravidade feito por um leigo ou por um sacerdote – ponto final !

- PUB -

Porem pelo seu sensacionalismo é hipertrofiado  quando se trata dum sacerdote e as Igrejas passaram a ser um alvo preferencial do jornalismo. Mas, como qualquer crime tem de ser bem escrutinado , corrigido, penalizado e posto bem a nu para que o celibato obrigatório dos nossos sacerdotes seja mesmo posto em questão. E o “escândalo” rompe com estrondo desde a Austrália até França e a chegou há dias também a Portugal com a nomeação duma de pessoas de grande crédito e independência que iniciou as suas investigações a pedido (?) da nossa Conferência Episcopal “empurrada” por um “abaixo assinado” de mais de duas centenas de personalidades do nosso laicado. Saudamos a iniciativa e qualidade da equipe para tal formada.

Há muito que insistentemente o nosso Papa  Francisco vinha batendo nesta necessidade de purificação dos ambientes eclesiais.  Nem haja o nosso Papa e as Igrejas que já se lançaram nessa ação “purificadora” completada com dramáticos pedidos de perdão.

Mas o essencial no nosso ponto de vista é por em questão a obrigação do celibato – eis uma das bases da questão . A outra é a necessidade duma generalização da educação sexual dos nossos jovens, assunto também que ainda levanta algum “sururu” ! Mas o problema essencial é a construção duma sociedade mais bem estruturada nesta sociedade totalmente enreda dada em problemas complexos – necessita-se duma sociedade nova sob todos – TODOS – os pontos de vista !

Comentários

- PUB -

Mais populares

Vereador diz que cães vadios fogem com crânios na boca e acusa PS de tratar mal os vivos e pior os mortos

João Afonso volta a criticar serviço nos cemitérios. Autarca do PSD denuncia ossadas lavadas em tanques da roupa e colocadas em caixas de fruta a secar. Nuno Canta diz que é fantasia

Pinhalnovense não tem jogadores para ir a jogo no próximo domingo

No Campeonato de Portugal a situação está muito complicada para os clubes da região porque o Barreirense está numa posição delicada na tabela classificativa...

Pinhalnovense sem jogadores para jogar fez falta de comparência

A 12.ª jornada do Campeonato de Portugal ficou marcada pela falta de comparência do Pinhalnovense no jogo que deveria disputar em casa com o...
- PUB -