30 Novembro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalDocumentário 'A causa e a sombra' é apresentado este domingo na Casa...

Documentário ‘A causa e a sombra’ é apresentado este domingo na Casa da Cultura

Documentário sobre Alípio de Freitas, o activista português que Zeca Afonso homenageou e que considerava “um homem de grande firmeza”

O documentário “A causa e a sombra”, de Tiago Afonso, sobre Alípio de Freitas, português que foi um activista dos Sem Terra no Brasil e a quem José Afonso dedicou uma canção, é exibido no domingo, em Setúbal.
A iniciativa, uma homenagem à personalidade que José Afonso homenageou no álbum “Com as minhas tamanquinhas” (1976), conta com a presença do realizador e da companheira de Alípio de Freitas, numa tertúlia sobre o “homem de grande firmeza”, como destaca a Casa da Cultura de Setúbal, que exibe o documentário a partir das 16:00.
Nascido em Bragança, em Fevereiro de 1929, Alípio de Freitas foi padre e partiu como missionário para S. Luís do Maranhão, no Brasil, em 1957.
Apoiante dos camponeses e defensor da alfabetização, foi jornalista e professor, abandonando a igreja em 1964, ano em que um golpe militar instaurou a ditadura no Brasil.
Alípio de Freitas exilou-se no México, recebeu treino militar em Cuba e regressou clandestino ao Brasil em 1966, onde viria a ser um dos dirigentes do Partido Revolucionário dos Trabalhadores.
Em 1970 foi preso e sujeito a tortura, tendo sido libertado apenas em 1979.
Regressou a Portugal na década de 1980, depois de ter desenvolvido um projeto com camponeses em Moçambique.
Com Mário Zambujal, Carlos Pinto Coelho e José Nuno Martins, Alípio de Freitas produziu o programa Fim de Semana, na RTP.
Em 1999, juntou-se aos fundadores do Bloco de Esquerda.
Alípio Cristiano de Freitas morreu em Lisboa, em 13 de Junho de 2017, aos 88 anos.
José Afonso considerou-o “um homem de grande firmeza”.
“A causa e a sombra” estreou-se no festival Porto/Post/Doc2015, numa sessão que contou com a presença do realizador e de Alípio de Freitas.
Lusa

Comentários

- PUB -

Mais populares

Jovem morre esfaqueado em cilada durante convívio 

Vitima, na casa dos 20 anos, era estudante e trabalhador na Autoeuropa

Corpo do chefe dos Bombeiros Sapadores de Setúbal encontrado na Praia da Torre em Grândola

Identificação do corpo terá sido feita por familiares na morgue, onde será realizada a autópsia, não havendo, até ao momento, indícios de crime 

Acidente na A2 junto a Palmela faz um morto e dois feridos ligeiros

Colisão entre dois veículos ligeiros ocorreu ao quilómetro 24.9 da Autoestrada 2. Vítima mortal tinha 42 anos
- PUB -