27 Setembro 2021, Segunda-feira
- PUB -
Início Local Almada Festival de Música dos Capuchos renasce em força 20 anos depois da...

Festival de Música dos Capuchos renasce em força 20 anos depois da última edição

Com direcção artística de Filipe Pinto-Ribeiro, o festival homenageia nomes grandes como Astor Piazzola e Alfred Brendel. Começa hoje e vai até 3 de Julho

- PUB -

O Festival de Música dos Capuchos, está de volta 20 anos depois da última edição. O primeiro espectáculo realiza-se hoje, 11 de Junho, às 21h00, sendo que esta iniciativa cultural de “excelência”, como classifica a presidente da Câmara de Almada, decorre até 3 de Julho, com um concerto de encerramento dedicado a Tchaikovsky & Schostakovich.

“Alegria de ver, 20 anos depois, o relançamento do Festival dos Capuchos”, manifesta a presidente Inês de Medeiros, filha do compositor, maestro e pianista António Vitorino de Almeida.

Para a autarca socialista, “é importante reconhecer o que muito de bom foi feito”, diz numa referência ao anterior executivo CDU que deu início a este festival marcante de Almada, e expressa “lamentar que, por circunstâncias várias [o mesmo] não tenha prosseguido”; e acrescenta que 2021: “é o retomar de um caminho que não devia ter sido interrompido”.

- PUB -

Com direcção artística do pianista Filipe Pinto-Ribeiro e com a presença de músicos e ensembles de referência mundial, o programa do Festival dos Capuchos “dá nota entre a música e o Convento, num contexto de ‘Cinco Séculos de História e Cinco Séculos de Música’, e tem como propósito a música clássica com diversidade de géneros”, indica Inês de Medeiros.

Afirma ainda a autarca que este é “um festival aberto a todos os almadenses e a todos os que visitam o concelho”, e realça esta iniciativa cultural “de excelência” que, “honrará a história das 21 edições passadas, projectando um futuro em que o Convento dos Capuchos seja internacionalmente reconhecido como espaço anfitrião da excelência musical, tornando Almada uma “capital das artes performativas”.

Com o alto patrocínio do Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, o programa do Festival dos Capuchos 2021 integra uma homenagem a dois grandes nomes da música, Astor Piazzola – o “rebelde do tango”, como diz Inês de Medeiros -, e Alfred Brendel.

- PUB -

Vai assim ser assinalado o centenário do nascimento de Astor Piazzolla, com um concerto dedicado a algumas das obras mais icónicas do seu “nuevo tango” e a apresentação da ópera-tango “Maria de Buenos Aires”, obra-prima do compositor argentino. Um concerto com direcção de Marcelo Nisinman e interpretação da cantora uruguaia Ana Karina Rossi no papel de Maria.

Alfred Brendel, figura maior incontestável da arte interpretativa musical do pós-Segunda Guerra Mundial, será alvo de uma grande homenagem neste ano em que se assinala o nonagésimo aniversário daquele que é considerado o último “monstro sagrado” do piano.

O virtuoso trompetista russo Sergei Nakariakov, apelidado de “Caruso e Paganini do trompete”, a Orquestra de Câmara de São Petersburgo e o alaudista norte-americano Hopkinson Smith, mestre incontestado dos instrumentos de cordas dedilhadas do Renascimento e do Barroco, são alguns dos nomes que constam igualmente no cartaz do Festival.

Também o jazz terá presença no festival com um concerto do quarteto da multipremiada cantora portuguesa Sofia Ribeiro, radicada no estrangeiro há vários anos.

Além do programa musical, vão acontecer “Conversas dos Capuchos”, moderadas pelo jornalista Carlos Vaz Marques, dedicadas a três centenários, que se celebram em 2021, de figuras nucleares da literatura universal: Dante, Baudelaire e Dostoievski.

O Festival de Música dos Capuchos tem como promotores a Câmara Municipal de Almada e a DSCH Associação Musical.

 

 

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Líder do PAN “engolida” por aficionados da festa brava no Montijo

Várias dezenas de elementos de tertúlias e grupos de forcados locais, entre outros, não pouparam nos assobios a Inês de Sousa Real e à...

Mercadona assina contrato com o município para abrir portas em 2022

Contrapartidas definidas. A empresa comprometeu-se a assegurar no prazo máximo de 12 meses obras num valor estimado em 270 mil euros   A Mercadona vai abrir...

GNR recupera bufo real em Poceirão

A ave foi encontrada debilitada e incapaz de voar. Foi entregue ao ICNF O Núcleo de Protecção Ambiental (NPA) do Destacamento Territorial de Palmela da...
- PUB -