20 Maio 2024, Segunda-feira

- PUB -
Carminho apresenta novo álbum no Fórum Luísa Todi

Carminho apresenta novo álbum no Fórum Luísa Todi

Carminho apresenta novo álbum no Fórum Luísa Todi

Artista exibe “Portuguesa” a 19 de Janeiro na sala de espectáculos setubalense

 

Não há qualquer exagero, Carminho afirma-se no mundo artístico a uma escala de dimensão global. E basta apenas referir a sua participação no filme “Poor Things”, do realizador Yorgos Lanthimos, vencedor do Leão de Ouro do Festival de Veneza, ao lado de Emma Stone e a recente apresentação do filme em Nova Iorque, onde Carminho foi estrela maior, num evento recheado de estrelas, como a já referida Emma Stone e Taylor Swift.

- PUB -

Além do filme, 2023 foi um ano repleto de eventos únicos, como a interpretação de “Estrela” para o Papa Francisco, num evento que teve 1,5 milhões de espectadores, além de 600 milhões de telespectadores e da participação no concerto dos Coldplay em Coimbra, no qual cantou com Chris Martin e Bárbara Bandeira. Mais as dezenas de concertos na Europa (Inglaterra, Alemanha, Luxemburgo, Espanha, França, Noruega, Turquia, Finlândia), Brasil, Estados Unidos e Canadá, para apresentação de “Portuguesa”, o sexto e mais recente álbum, nomeado para os Grammys Latino.

Por cá, entre concertos por várias cidades, a apresentação em Novembro no Coliseu de Lisboa, foi um momento de rara beleza, elegância musical e muitas emoções. É este concerto que chega a Setúbal no próximo dia 19 de Janeiro, ao Fórum Luísa Todi.

Para trás fica uma carreira que teve a sua primeira apresentação aos 12 anos de idade, mas só depois de se licenciar é que se estreia em disco. Foi 2009, com “Fado”, disco que atingiu a Platina e que a revista britânica Songlines, considera o melhor disco de 2011.

- PUB -

Em 2012 grava “Alma”, segundo álbum que lhe abre as portas do Brasil, onde de torna estrela e grava com Chico Buarque, Milton Nascimento e Nana Caymmi 3 temas que seriam incluídos numa reedição de “Alma”, cujas vendas atingiram a dupla platina. Dois anos mais tarde, “Canto” fortalece a sua posição no mercado do Brasil, canta e grava com Caetano Veloso e Marisa Monte.

Entretanto a família de António Carlos Jobim desafia Carminho a gravar do músico brasileiro. O resultado está no álbum “Carminho canta Jobim”, gravado com a orquestra que tinha acompanhado o músico e com duetos com Chico Buarque, Maria Bethânia e Marisa Monte. O Brasil estava a seus pés. O regresso às raízes do fado verifica-se com “Maria”, quinto álbum da fadista, onde assume a produção do disco e a autoria de alguns temas.

Todo este percurso cimentado com muitas dezenas de concertos pelo mundo inteiro. Chegados ao fim de 2023, como referido no início, está “no topo do mundo”. Setúbal não poderia ter melhor início musical. Carminho, dia 19, um concerto imperdível, cujo preço é de 25 euros.

- PUB -

Opinião Musical

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -