2 Fevereiro 2023, Quinta-feira
- PUB -
InícioSociedadeMichel de Roubaix reconhecido como “ser humano modesto e poderoso”

Michel de Roubaix reconhecido como “ser humano modesto e poderoso”

Bailarino parisiense de sapateado foi homenageado na sexta edição do Festival de Acordeon de São Sebastião

 

- PUB -

O acordeonista francês Michel de Roubaix foi homenageado na sexta edição do Festival Internacional de Acordeon de São Sebastião, realizada na tarde de domingo, com Carlos Rabaçal, vereador na Câmara de Setúbal, a descrever o também bailarino como “um ser humano muito modesto e muito poderoso”.

“Queria agradecer-lhe por amar o sapateado e o acordeão, mas, também, por amar Portugal e por amar a cultura. Nós é que nos sentimos homenageados pela sua presença”, disse o autarca, citado em comunicado da edilidade, no Auditório Bocage.

No evento, organizado pela Associação de Acordeonistas de Portugal (AAP) e pela Junta de Freguesia de São Sebastião, em parceria com a Câmara de Setúbal, actuaram “quatro acordeonistas portugueses”, sendo que “um dos momentos altos do espectáculo foi a homenagem ao famoso bailarino parisiense de sapateado e acordeonista”.

- PUB -

“Radicado em Portugal há cerca de quatro décadas, Michel de Roubaix recebeu lembranças entregues pelo vereador Carlos Rabaçal, pelo presidente da Junta de São Sebastião, Nuno Costa, e pelo presidente da AAP, Nuno Soares”.

Em palco estiveram “alguns dos melhores intérpretes da actualidade, como Vítor Apolo, Vítor Pastor, Andreia Sofia Rodrigues e Leonel Mateus”, sendo que o festival contou igualmente com “a participação especial do trompetista Jean-Marc Charmier”.

Na sua intervenção, “perante um Auditório Bocage cheio”, e depois de partilhar algumas palavras de apreço pelo homenageado, Carlos Rabaçal realçou ainda que o festival “integra um processo de crescimento contínuo que Setúbal tem tido na última década e que vai continuar a acontecer”.

- PUB -

Neste sentido, o vereador relembrou que “o município continua empenhado em alavancar a cultura”, dando como exemplo “o Plano Estratégico de Cultura de Setúbal, desenvolvido pela Câmara Municipal, actualmente em fase de recolha de contributos”.

Na mesma nota, a autarquia frisa que “o projecto, integrado na candidatura Setúbal – Cultura Sem Barreiras, pretende responder a um conjunto de objectivos de forma a permitir, no futuro, a criação de dinâmicas culturais verdadeiramente enquadradas com as necessidades, os anseios e os gostos dos variados públicos, adequando-se às condições técnicas e estruturais existentes”.

“É um plano muito importante que está a ser construído para conceber o que vai ser a cultura no futuro no nosso concelho”, vincou Carlos Rabaçal, a concluir.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Novo 10 de portas fechadas após polémica que envolve dívida de 700 mil euros

Empresário apresentou proposta ‘promissora’, que acabou por deixar proprietário do espaço de mãos a abanar

Autoeuropa anuncia unidade 1 milhão do T-Roc que vai rodar noutro continente

Número redondo foi anunciado pela direcção da fábrica de Palmela. Automóvel já tem destino traçado

O sangue e o oxigénio dos Tribunais

Ninguém duvida que os oficiais de justiça são essenciais para a Administração da Justiça.
- PUB -