20 Janeiro 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioSociedadeDa ginginha aos fidalgos: os sabores que pode encontrar no mercado de...

Da ginginha aos fidalgos: os sabores que pode encontrar no mercado de Natal de Setúbal

Salgados, doces, bebidas e receitas caseiras na procura de agradar a qualquer paladar

 

- PUB -

Na placa central da Avenida Luísa Todi está colocado o Mercado de Natal do “Setúbal Christmas Fest 2021”. O mercado tem cerca de três dezenas de barraquinhas, onde se vendem produtos artesanais e produtos gastronómicos.

Na gastronomia é possível encontrar uma agradável e distinta variedade de sabores que, seguramente, consegue atender satisfatoriamente aos mais diferentes paladares. Salgados, doces, mais conhecidos, outros mais caseiros, são as várias ofertas que os visitantes têm à sua disposição.

A Casinha do Bolo do Caco apresenta a tradicional bifana, prego no bolo do caco, pão com chouriço e bolo do caco com manteiga e alho. Ainda na refeição, o visitante tem à sua escolha sopas, como a sopa da pedra ou sopa de peixe.

- PUB -

Ao lado, a barraquinha Serrano de Estrela apresenta também uma grande variedade de sandes. Ligada aos queijos, enchidos e presuntos, há à escolha sandes de presunto, sandes de queijo da Serra, sandes de queijo de cabra e mel e sandes de paio serrano. Quem não quiser sandes pode sempre levar para casa uma variada gama de queijos, enchidos e presunto.

Os doces estão espalhados por diversos stands, oferecendo uma grande multiplicidade de escolhas aos visitantes. Por exemplo, as Farturas Delícia, com as suas habituais farturas, também os seus churritos, churros e waffles.

No Canela Doce há crepes que podem ser acompanhados pelos mais diversos tipos de chocolates ou outras adições açucaradas. Destaca-se a receita vegan e sem glúten o que permite chegar mesmo a todos os paladares. Nesta barraquinha também se pode aquecer a garganta com café ou chocolate quente.

- PUB -

Ali mesmo ao lado, está a Ginjinha de Óbidos que serve, como o nome indica, a ginja com a particularidade do copo de chocolate. Os visitantes têm ainda licores e sangria de ginja. Para comer destacam-se as línguas da sogra e flautas de Benfica.

Completamente virado para os doces também está a Doces Afectos. Nesta barraquinha destacam-se os fidalgos, as broas de mel, broas de rios moinhos, suspiros, broas castelares e bombons caseiros. Existem ainda stands mais viradas para as bebidas.

Da Palmanhac chega uma gama de aguardentes, de laranja, limão, laranja e moscatel, e vinho. No espaço da I Love Setúbal é possível encontrar, hidromel, uma variedade de licores, tudo associado a produtores locais, e ainda o vinho especial da marca, feito em parceria com a Casa Agrícola Assis Lobo.

A fugir a toda esta concorrência está a Gramas a Granel. Neste espaço, e como a expressão indica, o visitante pode adquirir a granel produtos variados como frutos secos, café e especiarias.

A generalidade dos comerciantes faz uma boa avaliação do mercado e do movimento dos clientes. “Foi uma excelente iniciativa. Está a superar as expectativas”, afirma Manuel Prego. “Tem feito um bocadinho de frio, mas as pessoas têm vindo”, confessa Fernando Valente.

“As pessoas, que não se identifiquem tanto com aquela zona ribeirinha e dos bares, pode sempre vir para aqui passear e ter aqui um bocadinho agradável”, refere José Francisco. “Era bom que isto acontecesse mais vezes durante o ano”, acrescenta o comerciante.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Vereador diz que cães vadios fogem com crânios na boca e acusa PS de tratar mal os vivos e pior os mortos

João Afonso volta a criticar serviço nos cemitérios. Autarca do PSD denuncia ossadas lavadas em tanques da roupa e colocadas em caixas de fruta a secar. Nuno Canta diz que é fantasia

Pinhalnovense não tem jogadores para ir a jogo no próximo domingo

No Campeonato de Portugal a situação está muito complicada para os clubes da região porque o Barreirense está numa posição delicada na tabela classificativa...

Casal assaltou 13 casas num mês na Moita

Um casal assaltou 13 casas na Moita no espaço de um mês. Ele assaltava e ela vendia os bens. Conseguiram 29 mil euros. Os assaltos...
- PUB -