18 Outubro 2021, Segunda-feira
- PUB -
Início Sociedade Dádivas de sangue na Quinta do Conde com "uma das melhores colheitas...

Dádivas de sangue na Quinta do Conde com “uma das melhores colheitas de Verão”

Número de intenções de inscrição e dádivas realizadas aumentaram

 

- PUB -

O balanço da última sessão de dádivas de sangue promovida pelo Grupo Folclórico e Humanitário do Concelho de Sesimbra, a 21 de Agosto, é, de acordo com a organização, positivo, com 65 inscritos, 52 colheitas e nove dadores pela primeira vez.

“A sessão correu dentro das normalidades, voltando a nossa associação a registar um aumento do número de dadores com intenções de inscrição bem como o número de dádivas colhidas pelo Instituto Português do Sangue e da Transplantação (IPST. IP).

O número de primeiras dádivas também voltou a registar um ligeiro aumento”, começa por dizer André Antunes, presidente do grupo, a O SETUBALENSE.

- PUB -

“Comparativamente aos anos anteriores, no período homólogo, temos verificado sempre uma quebra na assiduidade dos dadores face à 1.ª e 3.ª sessões anuais, no entanto este ano foi diferente. Registámos uma das melhores colheitas no período de Verão”, adianta.

Nas palavras do dirigente associativo, “é com enorme satisfação e sentimento de gratidão para com todos os dadores de sangue que continuamos a apresentar uma progressão dos litros de sangue doados ao IPST. IP”.

Para o Grupo Folclórico e Humanitário, “é sempre gratificante sentir que vamos cumprindo a nossa missão e ajudando os doentes hospitalizados que necessitam de transfusões, sendo igualmente de realçar o profissionalismo e simpatia das sucessivas equipas de funcionários do instituto que têm vindo realizar os seus serviços à Quinta do Conde”.

- PUB -

A sessão realizou-se mais uma vez nas instalações do Centro Cultural, Social e Recreativo A Voz do Alentejo, com o apoio da Junta de Freguesia da Quinta do Conde na divulgação das sessões de colheita.

Também o comércio local quintacondense tem vindo a associar-se a esta iniciativa. “Muitos nos têm ajudado financeiramente para que possamos desenvolver a promoção da dádiva de sangue na Quinta do Conde, cujos resultados estão à vista”, refere.

“Este envolvimento, já presente nas acções da anterior direcção, é fundamental, pelo que os actuais dirigentes continuarão com a dinâmica de estender ainda mais a dádiva de sangue à sociedade civil”, adianta.

A próxima sessão está marcada para dia 11 de Dezembro. Até lá, “a direcção centrará as atenções nas tarefas referentes ao folclore, como o aprofundamento dos trajes, dos usos e costumes do concelho de Sesimbra e da Arrábida e no plano de retoma progressiva dos ensaios, mas continuará também a trabalhar no sentido de angariar novos parceiros junto do comércio local para reforçar a sensibilização, divulgação e promoção das dádivas benévolas de sangue”.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Geringonça dá Assembleia Municipal do Montijo ao PSD

Apesar de vencer nas autárquicas, PS vai perder presidência no órgão. CDU tem compromisso com os social-democratas. Se não houver recuo, Ana Dias Neves...

Construção de duas novas fábricas da Repsol é maior investimento dos últimos dez anos no país

Empresa quer tornar Complexo de Sines num dos mais avançados e competitivos da Europa

Fernando Negrão acusa administração do Centro Hospitalar de “incompetência” e defende demissão

Vereador social-democrata afirma que membros do órgão de gestão “estão cegos” e pede a sua substituição “por gente competente”   Fernando Negrão, vereador da Câmara Municipal...
- PUB -