17 Maio 2022, Terça-feira
- PUB -
InícioSociedadeSeixal abre centro para acolher pessoas sem-abrigo

Seixal abre centro para acolher pessoas sem-abrigo

Com capacidade para 12 pessoas em simultâneo, o centro de acolhimento é coordenado pela CRIAR-T

 

- PUB -

O Seixal abriu um Centro de Acolhimento Temporário para Pessoas em Situação de Sem-Abrigo. Está instalado no Pavilhão Desportivo Escolar da Escola Secundária Manuel Cargaleiro, em Amora, e é acompanhado pelo Núcleo de Planeamento e Intervenção Sem-Abrigo do Seixal, cuja coordenação técnica é assegurada pela CRIAR-T – Associação de Solidariedade.

Com capacidade para 12 pessoas em simultâneo, este centro de acolhimento possui uma área para confeccionar refeições, balneários e instalações sanitárias para homens e mulheres. No local foi ainda criado um espaço para isolamento destinado a casos de infecção por Covid-19, com acesso a instalações sanitárias e balneário separadas das restantes.

Durante o dia, a CRIAR-T assegura o acompanhamento e distribuição de refeições e à noite a autarquia garante a segurança do espaço.

- PUB -

A abertura deste centro contou com 11 entidades como parceiras: a Câmara Municipal do Seixal; a CRIAR-T – Associação de Solidariedade; o Instituto da Segurança Social, IP – Centro Distrital de Setúbal; o Centro Paroquial de Bem-Estar Social de Arrentela; o Centro Paroquial de Bem-Estar Social de Fernão Ferro; a Santa Casa da Misericórdia do Seixal; o Agrupamentos dos Centros de Saúde de Almada-Seixal; a Polícia de Segurança Pública; o Centro de Emprego e Formação Profissional do Seixal; o Hospital Garcia de Horta e a Guarda Nacional Republicana.

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -