18 Maio 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioSociedadeCâmara de Palmela lamenta morte de Rui Guerreiro

Câmara de Palmela lamenta morte de Rui Guerreiro

O cenário cultural ficou mais pobre, na passada quarta-feira, 25, com a morte de Rui Guerreiro, que presidia à Mesa da Assembleia Geral da Acção Teatral Artimanha (ATA), do Pinhal Novo. A Câmara Municipal de Palmela já veio manifestar pesar pelo falecimento do “importante activista cívico e cultural do concelho”, que foi cofundador e presidente da direcção da ATA.

- PUB -

“O Pinhal Novo, o concelho de Palmela, a comunidade teatral, a cultura e o associativismo sofreram uma enorme perda”, pode ler-se no comunicado da autarquia, que lembra que Rui Guerreiro “sucumbiu a doença prolongada, aos 62 anos”.

O município realça o trajecto do ex-dirigente da ATA.
“Fortemente activo e participativo na vida da comunidade, frequentou, em 1981, com um grupo de jovens do Pinhal Novo, o Curso de Aperfeiçoamento Técnico de Teatro de Amadores, ministrado por Same Lutfi (Teatro Arena de S. Paulo) e supervisão de Alexandre Sousa.”

Após a formação, o referido grupo “procurou dar continuidade à aprendizagem, recuperando o GATS (Grupo de Acção Teatral da S.F.U.A.), que se encontrava em pausa”.

- PUB -

“Depois de uma itinerância de sucesso por todo o concelho, em 1982/83, com um espectáculo da autoria de Sérgio Godinho, decidiram seguir um caminho autónomo e legalizar-se enquanto associação. Nascia, assim, a 28 de Junho de 1983, a ATA – Acção Teatral Artimanha”, recorda a edilidade.

Medalha de Mérito Municipal

- PUB -

Rui Guerreiro participou em múltiplos projectos artísticos como produtor, encenador e actor. “Foi, igualmente, uma voz activa na defesa do teatro noutros âmbitos e fóruns, caso da Federação Portuguesa de Teatro, em cujos órgãos sociais exerceu diversos cargos.”

O município aponta o Festival de Teatro pela Paz, as “Noites de Verão” ou a “Queimada Mística”, entre outros, como projectos que beneficiaram do enorme contributo de Rui Guerreiro, destacando também “a sua participação activa e incansável na Comissão Organizadora do Festival Internacional de Gigantes (FIG)”.

Em 2010, Rui Guerreiro viria a ingressar “na Escola Superior de Teatro e Cinema, Ramo de Produção e Artes Cénicas, onde concluiu a Licenciatura em Direcção e Produção Teatral”. E oito anos mais tarde foi distinguido com a Medalha Municipal de Mérito – Grau Prata.

Nesta hora difícil, O SETUBALENSE apresenta as mais sentidas condolências à família enlutada e à ATA.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -