20 Maio 2024, Segunda-feira

- PUB -
O crescimento do futebol e do futsal feminino no distrito de Setúbal

O crescimento do futebol e do futsal feminino no distrito de Setúbal

O crescimento do futebol e do futsal feminino no distrito de Setúbal

O apuramento do Racing Power FC para a final da Taça de Portugal de Futebol Feminino, depois da presença dos Estrelas do Feijó nas meias-finais da Taça de Portugal de Futsal, representa para o futebol feminino do distrito de Setúbal um momento ímpar de afirmação no contexto nacional, e chamou em definitivo a nossa atenção para o crescimento do futebol feminino no distrito de Setúbal.
Na atualidade, e longe dos tempos pioneiros do URCD Coina ter participado na taça Nacional do Futebol Feminino, o distrito de Setúbal apresenta uma equipa na Liga BPI, 2 equipas no Campeonato Nacional Feminino da segunda divisão e 2 equipas no Campeonato Nacional Feminino da terceira divisão, assim como tem uma árbitra com as insígnias da FIFA.
Segundo dados da Associação de Futebol de Setúbal, num universo total de sensivelmente 15 mil praticantes, mais de 1000 são do género feminino.
Por sua vez, um estudo apresentado pelo Portugal Football Observatory indica que o número de praticantes femininos em futebol e futsal aumentou de 6520 em 2012/13 para 15.113 em 2022/23, o que corresponde a um aumento de 132%. Nesse período houve igualmente um aumento de 39% no número de jogadoras profissionais de futebol e a Seleção A feminina subiu do 46º lugar no ranking da FIFA para o 19º lugar, em parte devido às participações nas fases de finais de dois europeus e de um mundial.
No futuro, para garantir a consistência deste padrão de crescimento, é fundamental a captação de recursos humanos, devidamente qualificados, ao nível de dirigentes e técnicos, que assegurem o enquadramento de um número cada vez mais elevado de praticantes do género feminino, assim como procurar estabelecer parcerias com autarquias e escolas, de forma a tornar possível a utilização de novas infraestruturas para treino e competição, lembrando que as jovens praticantes, também devem ter direito a usufruir de treinos em “horário nobre” entre as 18 e as 21 horas.
Não posso terminar sem expressar a minha justa homenagem e felicitação a todas as mães do desporto, são elas que apoiam, acarinham e acompanham as suas filhas em treinos e competições, quase sempre depois de um dia de trabalho, por vezes ao frio e à chuva, mas com uma verdadeira paixão, tornando o futebol e o futsal feminino uma verdadeira festa de família.
Por último, mas não em último, as minhas felicitações à Associação de Futebol de Setúbal pelo seu 97.º aniversário.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -