18 Maio 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioOpiniãoInvestimentos estratégicos em Sines

Investimentos estratégicos em Sines

Sines é hoje um motor em crescimento da economia nacional, quer através da sua inserção logística global, quer mais recentemente na forte aposta na transição energética e na transição digital.

- PUB -

Diversos projetos de investimento nestas áreas, já anunciados pela AICEP, fazem parte de um pipeline de investimentos privados a realizar em Sines – entre em curso, confirmados e potenciais – superior a 17 mil milhões de euros até 2030 (o equivalente a 8% do PIB Nacional de 2021).

Com efeito, na componente Logística, os investimentos privados na expansão do atual terminal de contentores e num futuro segundo terminal de contentores estão estimados em 940 milhões de euros. Os projetos empresariais de logística e de assemblagem rondarão os 800M€ e ambos, a criação de 800 a 900 postos de trabalho.

Os investimentos nas áreas da energia e indústria chegarão a mais de 4 mil milhões de reforços de investimento liderados por empresas já presentes na ZILS (Zona Industrial e Logística de Sines). E a mais 7,8 mil milhões em potenciais investimentos (em gases renováveis, circularidade e indústrias descarbonizadas) por empresas que se preparam agora para entrar na ZILS.

- PUB -

Na Transição Digital, com as estações de amarração de cabos (CLS) submarinos de telecomunicações e nos Centros de processamento e armazenamento de dados, cerca 3,5 mil milhões de euros.

Toda esta dinâmica de investimento ilustra como Sines se está a tornar num hub da Europa com o Mundo. Resulta de capacidades naturais e de investimentos, mas igualmente de vontade e ação de muitos (públicos e privados de que me permito destacar o Município e o governo, na área da internacionalização).

Assinalo igualmente que estão em curso projetos públicos estratégicos para a região de que destaco o aumento de capacidade na Ligação entre Sines e a A2, que está incluída no PRR com um investimento de 60 M€ e de que se prevê iniciar a Avaliação de Impacte Ambiental ainda este ano de forma a poder lançar concurso para obra no 3º Trimestre de 2023 e concluí-la até ao final de 2025.

- PUB -

Igualmente na ferrovia está em obra a modernização da Linha de Sines, entre Sines e Ermidas, que irá adaptar a linha à circulação de comboios até 750 m de comprimento, sendo igualmente ampliados as estacões de cruzamento na Linha do Sul para permitir a circulação de comboios de 750m. Ambas estas obras, que representam um investimento de 35 M€, estarão concluídas até ao final de 2023.

Também com grande importância para o Porto de Sines, é a construção da nova linha Évora – Elvas que irá encurtar em 140 km o itinerário até à fronteira. Combinado com o aumento do comprimento dos comboios para 750m, isto traduzir-se-á numa redução do custo de transporte de cerca de 50% e numa triplicação da capacidade de transporte. Esta linha representa um investimento de cerca de 500 M€ e deverá estar concluída no final de 2023.

Jorge Seguro Sanches

Deputado à Assembleia da República eleito pelo Partido Socialista no Círculo Eleitoral de Setúbal

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -