26 Setembro 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioOpiniãoO que ter em conta antes de comprar uma casa

O que ter em conta antes de comprar uma casa

Independentemente do motivo para a compra, quero partilhar consigo os passos que deve dar para que consiga comprar a casa que quer, sem percalços.

- PUB -

1. Dirija-se ao seu banco e peça uma análise de viabilidade de crédito. Não é uma simulação, pois essa não é fiável, mas um processo mais completo de análise para determinar qual o valor máximo que o seu banco lhe empresta. Como pode demorar algum tempo a recolher toda a documentação, sugiro que não faça visitas neste período.
2. Determine as suas despesas mensais. Depois de saber o montante máximo de empréstimo deve ter em conta as suas despesas com alimentação, transporte, escolas das crianças, etc.
Apesar de não serem relevantes para o crédito, ajudam a que possa estar confortável com a prestação que pode pagar no fim do mês. Esta deve ser igual ou inferior à que o banco lhe indicou.
3. Faça duas listas, o que “tem de ter” e o que “gostaria de ter” numa casa. Esta consciência ajudará a que seleccione as casas certas para visitar e evitar cair no deslumbramento de uma casa que virá com um custo de manutenção elevado, ou umas características que não irá usar.
4. Escolha um só consultor imobiliário para acompanhar as suas visitas. Como representante do comprador – você – terá a responsabilidade de ajudar a negociar e garantir o preço ideal, recorrendo ao conhecimento do mercado e a análises factuais e fundamentadas.
5. Firme um CPCV (contrato de promessa de compra e venda) sobre a casa que pretende, assim que possível. Este é o acordo que lhe permite ter alguma segurança na compra, ao contrário dos tradicionais documentos de reserva que não passam da formalização de intenção.

Se seguir esta ordem, saberá como comprar uma casa rapidamente, pelo melhor valor e sem frustrações.

João Lobo
[email protected]
916 255 051
jlobo.cdc21.pt

Comentários

- PUB -

Mais populares

“Reunião” dos bombeiros acaba à chapada e ao pontapé com a PSP a ser chamada ao quartel [corrigida]

Demissões na direcção culminaram com agressões físicas entre bombeiros, entre directores, e entre bombeiros e dirigentes

Autoeuropa com legionella não pára produção nem avisa trabalhadores

Empresa diz que nenhuma pessoa foi infectada e que está a cumprir a lei

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos
- PUB -