19 Janeiro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalPalmelaPresidente da República e primeiro-ministro vão dar os parabéns à Autoeuropa

Presidente da República e primeiro-ministro vão dar os parabéns à Autoeuropa

Marcelo Rebelo de Sousa e António Costa vão liderar comitiva que integrará ainda o ministro do Trabalho, Vieira da Silva, e o secretário de Estado da Indústria, João Vasconcelos.

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, e o primeiro-ministro, António Costa, vão marcar presença, na próxima sexta-feira, 9, na celebração dos 25 anos da Volkswagen Autoeuropa, em Palmela.

- PUB -

“Os dois governantes e respectivas comitivas terão oportunidade de conhecer a linha de montagem da fábrica de Palmela, assim como os investimentos realizados nos últimos dois anos referentes ao novo modelo a ser produzido na unidade”, revelou o departamento de comunicação da marca alemã.

A visita do Presidente da República e do primeiro-ministro contará também com a presença do ministro da Economia, Manuel Caldeira Cabral, do ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social, Vieira da Silva, do secretário de Estado da Indústria, João Vasconcelos, do membro do Conselho de Administração da marca Volkswagen com responsabilidade pela Produção e Logística, Thomas Ulbrich, e do director de Relações Internacionais da Volkswagen AG, Jens Hanefeld.

Comentários

- PUB -
- PUB -
- PUB -

Mais populares

Vereador diz que cães vadios fogem com crânios na boca e acusa PS de tratar mal os vivos e pior os mortos

João Afonso volta a criticar serviço nos cemitérios. Autarca do PSD denuncia ossadas lavadas em tanques da roupa e colocadas em caixas de fruta a secar. Nuno Canta diz que é fantasia

Rua José de Groot Pombo encerrada até Abril devido a “exigente e profunda” obra

Intervenção dedicada à reabilitação integral da via, incluindo a construção de passeios mais acessíveis   A Rua José de Groot Pombo, em Setúbal, vai permanecer encerrada...

Mais de 70 lotes de terreno no Bairro Grito do Povo alienados a proprietários de habitações

Os lotes vão ser vendidos a moradores e descendentes directos, que pretendam melhorar as condições de habitabilidade
- PUB -