23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Festas Populares de Samouco voltam à rua depois de dois anos de paragem

Festas Populares de Samouco voltam à rua depois de dois anos de paragem

Festas Populares de Samouco voltam à rua depois de dois anos de paragem

A abertura oficial está marcada para a Praça da Liberdade. Entre as várias actuações musicais vão estar Rosinha e Toy

As tradicionais Festas Populares de Samouco, em Honra de Nossa Senhora do Carmo, estão de regresso a 15 e 19 de Julho, depois de dois anos de interregno devido à pandemia. A animação vai contar com as actuações de Toy e Rosinha.

- PUB -

A abertura oficial está marcada para as 18h30 de 15 de Julho na Praça da Liberdade. Quanto à programação, esta integra sete largadas de toiros e, na parte religiosa, a Bênção das Motorizadas pelo vigário Jorge Almeida e a Evocação a Nossa Senhora do Carmo, a 16 de Julho.

A Missa Solene em Honra da Nossa Senhora do Carmo e a procissão realizam-se a 17 de Julho, com a participação da Banda da Sociedade Filarmónica Progresso e Labor Samouquense.

Para Luís Maia, presidente da Associação de Festas Populares de Samouco é dado como certo que as ruas da localidade vão encher-se com centenas de pessoas, isto depois de dois anos sem se poderem realizar. “Estamos muito expectantes pelas festas deste ano, assim como a população, que tem aderido aos nossos eventos. As pessoas dizem-nos que estão muito ansiosas pelo regresso das festas”.

- PUB -

Ente 15 de 19 de Julho, vão actuar vários grupos musicais, com destaque para o concerto da Banda da Sociedade Filarmónica Progresso e Labor Samouquense e do grupo Batucando.

No dia 18 é celebrado o Dia do Samouqueiro com os tradicionais “Comes e Bebes”, e irá acontecer o concerto da cantora Rosinha. Dia 19, último dia das festas, a vila contará com a actuação de Toy, na Praça da República.

Entretanto, o plano de coordenação da Protecção Civil para as Festas Populares de Samouco foi aprovado, por unanimidade, na última reunião de Câmara, 6 de Julho. Um plano que foi elaborado pelo Serviço Municipal de Protecção Civil em estreita articulação com os Bombeiros Voluntários de Alcochete, a Guarda Nacional Republicana, a Autoridade de Saúde local, a Junta de Freguesia do Samouco e a Comissão de Festas.

- PUB -

“Neste plano de coordenação, eminentemente operacional, estão referenciadas as estratégias de actuação dos agentes da Protecção Civil, as suas responsabilidades, os sistemas de alerta, os planos prévios de intervenção, a estrutura de coordenação, a administração e logística, entre outras medidas preventivas, essenciais para a obtenção de um bom planeamento e organização das operações de protecção e socorro”, explica a autarquia.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -