19 Junho 2024, Quarta-feira

- PUB -
Castelo e centro histórico da vila vão reviver cenário do Século XII

Castelo e centro histórico da vila vão reviver cenário do Século XII

Castelo e centro histórico da vila vão reviver cenário do Século XII

Feira Medieval promete retratar época em que se cruzaram mouros forros e judeus, a par do crescimento cristão

 

Danças medievais, acampamentos de armas, mesteirais, falcoaria e torneios de cavaleiros são algumas das actividades que dão corpo a mais uma edição da Feira Medieval de Palmela. O evento, que vai decorrer entre 23 e 25 de Setembro próximo, promete levar muita animação ao castelo e ao centro histórico da vila.

- PUB -

Promovida pelo município, a feira adopta este ano o tema “Mesteirais e Outras Gentes na Palmela do Séc. XII”. Ao longo dos três dias, é proposta “uma viagem ao quotidiano das gentes de Palmela – um mundo de paisagem agro-pastoril, artesanal, mercantil, em que se desenvolve a vida económica, social e religiosa”, revela a autarquia, que desvenda ainda alguns detalhes do enquadramento histórico preparado para esta edição. “O evento terá como cenário uma época de insegurança por causa da guerra e de definição das fronteiras, onde se cruzavam as minorias de mouros forros e de judeus, a par do crescimento de uma população cristã, que foi consolidando o seu poder económico, político-militar e religioso.”

Os visitantes vão poder apreciar um vasto programa de animação – sem esquecer “a presença de artesãos e restauração” –, com destaque para “danças medievais, acampamentos de armas, mesteirais, mouro e cavalaria, com falcoaria e torneios de cavaleiros, em honra de sua majestade El Rei D. Sancho I”. Isto a juntar à “dramatização da investidura a cavaleiro do fidalgo escudeiro Mendes Gonçalo, por parte do nobre cavaleiro da Casa Real, Lopo Afonso”, sublinha a edilidade.

O certame é, de resto, aberto à participação de voluntários. Mas para isso, os interessados têm de se inscrever até ao próximo dia 16, através do preenchimento de uma ficha que devem remeter para o e-mail juventude@cm-palmela.pt, acompanhada de uma foto.

- PUB -

- PUB -

Para os mais apaixonados pelos figurinos antigos há a possibilidade facultativa de trajarem a rigor para visitarem a feira. A autarquia indica que “existe um serviço de aluguer de trajes adequados à época retratada”, que estará localizado “junto à entrada do recinto” do evento. “Este serviço é assegurado pela Aliusvetus – Associação Cultural História e Património. O aluguer de traje inclui o ingresso de entrada (pulseira/bilhete)”, adianta o município. Para um dia o custo do aluguer de traje é de 10 euros; para dois dias ascende a 13 euros; e para os três dias o preço é de 15 euros. O aluguer, faz notar a edilidade, tem “caução de 10 euros, [que será] devolvida na entrega final do traje”.

Pijama, caminhada e acção de formação

Da programação do evento fazem ainda parte outras duas actividades, uma das quais dirigida ao público infantil. Trata-se da iniciativa “Em Pijama na Feira Medieval”, que permitirá às crianças dos 8 aos 12 anos passarem uma noite no Castelo de Palmela, de 24 para 25 de Setembro. A participação nesta acção – que visa dar a conhecer aos mais novos a história do castelo – é de lotação limitada e, apesar de gratuita, obriga a inscrição através do e-mail patrimonio@cm-palmela.pt. A organização é assumida em conjunto pela Passos e Compassos e pela Câmara Municipal.

- PUB -

Também inserida no programa está uma caminhada pelas veredas da Serra do Louro, a realizar no dia 24, a partir das 17 horas. “Tendo o Castelo de Palmela como paisagem e a Feira Medieval como cenário à espreita, parte-se numa pequena caminhada desde o Cabeço das Vacas ao Moinho da Fonte do Sol. Iremos estar atentos à diversidade das plantas que nos rodeiam, identificando algumas espécies, não alheios à ocupação humana de outros tempos, assim como procuraremos identificar algumas aves pelo seu canto”, salienta a autarquia. Os participantes, no final da caminhada, são convidados a visitar a Feira Medieval de Palmela. O passeio, com uma distância de 6 quilómetros, é organizado pela Biotrails e tem um custo de 10 euros, mas dá direito a uma entrada para a feira e a um moscatel. O ponto de encontro acontecerá na Quinta do Anjo, em local ainda a definir. Os interessados devem inscrever-se em www.biotrails.pt.

 

Antes, nos dias 21 e 22, entre as 20 horas e a meia-noite, a Câmara Municipal em parceria com o Ten_Tart, Grupo de Teatro, Animação e Intervenção, promove uma “acção de formação em expressão dramática, caracterização e construção de personagens”, tendo em vista a participação na feira. Esta acção vai decorrer no Cine-Teatro S. João e na Biblioteca Municipal de Palmela. As inscrições estão abertas até ao próximo dia 11 e devem ser efectuadas através de envio de e-mail, com nome, data de nascimento e contacto directo, para patrimonio@cm-palmela.pt.

Bilhetes Preços variam entre os 3 e os 6 euros

A Feira Medieval de Palmela vai estar aberta entre as 17 horas e a meia-noite no dia 23. No dia 24, o certame abre às 14 horas e encerra à mesma hora da véspera. E no último dia, 25, volta a abrir portas às 14 horas e termina às 23 horas. Os bilhetes têm um custo de 3 euros para um dia e 6 euros para os três dias. Os visitantes menores de 12 anos (inclusive) têm entrada gratuita. A venda antecipada de ingressos vai decorrer de 1 a 18 de Setembro. Podem ser adquiridos nos seguintes pontos: Posto de Turismo (Castelo de Palmela); Casa Mãe da Rota de Vinhos da Península de Setúbal; Serviços de Atendimento Municipal em Palmela (Paços do Concelho, Largo do Município), em Pinhal Novo (Loja do Cidadão – Mercado Municipal de Pinhal Novo) e Quinta do Anjo (Rua de Olivença); e União de Freguesias das Poceirão e Marateca, em Poceirão (Rua Luís de Camões) e nas respectivas delegações.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -