2 Fevereiro 2023, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalBarreiroMarcelo volta a saborear ginginha no Barreiro e visita urgência de obstetrícia

Marcelo volta a saborear ginginha no Barreiro e visita urgência de obstetrícia

O Presidente da República já se assume como embaixador da ginginha do Barreiro. Ao chegar foi calorosamente recebido por uma multidão

 

- PUB -

 

O Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, regressou este sábado ao Barreiro para voltar a saborear a ginginha e depois cisitou ainda o serviço de urgência de obstetrícia do hospital do Barreiro na companhia de Frederico Rosa.

O Presidente da República rejeitou  que viva “em função de sondagens” e considerou que “o povo é que sabe” quando o assunto é a sua popularidade.

- PUB -

Sem pandemia, Marcelo Rebelo de Sousa regressou ao Barreiro ao final da tarde para cumprir uma tradição que foi interrompida há dois anos: beber uma ‘ginjinha’ na véspera de Natal.

O Presidente da República tinha acabado de sair do carro e foi ‘engolido’ pela multidão.

“O Barreiro é sempre muito caloroso”, disse o chefe de Estado, que assumiu que já é um embaixador da ‘ginjinha’ do Barreiro. O local escolhido para a beber é sempre a Tasca da Galega.

- PUB -

O Presidente da República estava a pouco mais de 200 metros do local escolhido para beber a ‘ginjinha’, mas demorou mais de uma hora a percorrer esse troço da Avenida Alfredo da Silva.

Questionado sobre se a receção por parte dos barreirenses ser o tipo de sondagem que lhe importa, Marcelo Rebelo de Sousa rejeitou que as sondagens tenham algum interesse: “Uma pessoa não vive em função de sondagens, às vezes são boas, outras são más, desta vez são duas muito boas, pode ser que daqui a meio ano sejam más”.

“O povo é que sabe, o povo conhece-me, não há sete anos, mas há 27 anos”, completou.

Entre ‘selfies’, abraços, um rápido dedo de conversa, Marcelo Rebelo de Sousa estava sempre rodeado de pessoas.

“Marcelo, olha para cima, olha para aqui”, gritou uma mulher a partir de uma varanda na Avenida Alfredo da Silva.

Ao entrar na Tasca da Galega, o Presidente da República foi aplaudido, foi para trás do balcão e desejou um feliz Natal a todas as pessoas que se encontravam naquele estabelecimento. Bebeu não uma, mas duas ‘ginjinhas’, e despediu-se. Ainda tinha uma visita a uma unidade hospitalar no Barreiro.

“É uma máquina este homem, vai a todo o lado”, disse uma mulher, que aguardava no exterior da Tasca da Galega para tirar mais uma fotografia com o chefe de Estado: “Tiro uma todos os anos”.

Depois seguiu-se a visita à unidade hospitalar, onde, acompanhado pelo presidente da Câmara, Frederico Rosa, pôde contactar com profissionais de saúde e utentes.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Novo 10 de portas fechadas após polémica que envolve dívida de 700 mil euros

Empresário apresentou proposta ‘promissora’, que acabou por deixar proprietário do espaço de mãos a abanar

Autoeuropa anuncia unidade 1 milhão do T-Roc que vai rodar noutro continente

Número redondo foi anunciado pela direcção da fábrica de Palmela. Automóvel já tem destino traçado

O sangue e o oxigénio dos Tribunais

Ninguém duvida que os oficiais de justiça são essenciais para a Administração da Justiça.
- PUB -