11 Agosto 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalCarreiras para Lisboa vão continuar a servir a Várzea

Carreiras para Lisboa vão continuar a servir a Várzea

A 1 de Julho autocarros passam a partir e chegar alternadamente ao terminal nas imediações do Bairro do Liceu e à nova Interface

 

- PUB -

A Câmara Municipal de Setúbal assegura que os novos transportes da Carris Metropolitana vão continuar a passar pelo Terminal Rodoviário da Várzea.

Até ao final do mês, data até à qual vão estar em vigor os antigos horários da empresa Transportes Sul do Tejo (ver texto página 2), a Várzea continuará a funcionar como terminal para partida e chegada das carreiras que fazem o percurso Lisboa – Setúbal.

Já a 1 de Julho, dia em que se espera que esteja estabilizada a nova operação de transportes em Setúbal – assim como nos restantes concelhos que compõem o lote 4 –, as carreiras vão passar a partir e chegar alternadamente à Várzea e à nova Interface de Transportes de Setúbal (ITS), disse ontem fonte do gabinete da presidência da autarquia a O SETUBALENSE.

- PUB -

Com esta garantia fica esclarecida a dúvida que os utentes levantaram em abaixo-assinado enviado à Transportes Metropolitanos de Lisboa e ao consórcio Alsa Todi (que assegura o serviço de transporte rodoviário de passageiros em Setúbal, Alcochete, Moita, Montijo e Palmela), no qual manifestaram-se contra a “saída das carreiras que fazem o circuito Lisboa/Setúbal/Lisboa” do terminal situado nas imediações do Bairro do Liceu.

Para os mais de 250 munícipes que assinaram o documento, “sendo este local de fácil e rápido acesso e tendo já um número bastante elevado de passageiros, não se justifica tirarem a passagem das carreiras já existentes para deslocar os percursos para o interior da cidade”.

Como exemplo são indicadas as carreiras 561 e 562, actuais linhas 4 725 (Sete Rios – ITS) e 4 720 (Oriente – ITS), que, para “os passageiros que todos os dias se deslocam para vários pontos fora e dentro da cidade, devem ficar no Parque da Várzea”.

- PUB -

Além disso, para os munícipes é importante os autocarros continuarem a passar pela referida zona, “que se encontra na área limítrofe da cidade”, porque “no interior de Setúbal não existe facilidade de estacionamento e não há parque de estacionamento gratuito”.

“Desde que foi inaugurado o novo parque rodoviário da Várzea que esta zona começou a ter uma maior dinâmica e de fácil acesso aos transportes públicos, havendo mais facilidade de estacionamento de transporte próprio para ligação à rede rodoviária para fora da cidade”, lê-se no mesmo documento.

O Terminal Rodoviário da Várzea foi inaugurado em Fevereiro do ano passado, tendo sido contruído para substituir a antiga estação situada na Avenida 5 de Outubro, que se encontrava “em estado de degradação e estava já subdimensionada”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

PSP de Setúbal sem meios para se deslocar a atropelamento em frente à esquadra

Acidente na Avenida Luísa Tody fez uma vítima de 88 anos

Hospital da Luz Setúbal confirma nova clínica no centro da cidade

Dr. José Ferreira Santos, director clínico do estabelecimento, confirma pólo adicional para aproximar clientes do centro hospitalar

Histórica estação rodoviária na 5 de Outubro vai dar lugar a supermercado Continente

Edifício está a ser alvo de estudos há cerca de uma semana, com o objectivo de abrir espaço do grupo Sonae
- PUB -