16 Maio 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioLocalMontijoEncapuzados apanhados pela PSP após assalto a casa no Montijo acusados pelo...

Encapuzados apanhados pela PSP após assalto a casa no Montijo acusados pelo Ministério Público

Caso ocorreu em Outubro. Grupo de jovens tinha acabado de sair do prédio quando foi surpreendido pela PSP

 

- PUB -

O Ministério Público acusou três dos cinco encapuzados que assaltaram uma casa no Montijo em Outubro passado, agredindo um morador jovem de 16 anos. Os suspeitos foram interceptados pela PSP que se deslocou ao local em poucos minutos. Os assaltantes, com 22, 24 e 27 anos, estão acusados agora de dois crimes de roubo, um dos quais agravado, e de um crime de detenção de arma proibida.

O caso ocorreu na noite de 6 de Outubro. Pela meia-noite, enquanto dois dos assaltantes ficaram de vigia no exterior, os restantes três entraram à força na casa. Aí agrediram um menor de 16 anos e roubaram o dinheiro que encontraram, perto de 75 euros, bem como um telemóvel, no valor de cerca de 170 euros.

Na rua, a movimentação dos suspeitos levou moradores de casas vizinhas a contactarem a esquadra, dando conta de que o grupo estava a olhar para o interior de viaturas ali estacionadas.

- PUB -

Assim que os agentes da PSP do Montijo chegaram ao local, depararam-se com os assaltantes encapuzados a sair do prédio. Quando estes vislumbraram a viatura policial, colocaram-se em fuga em sentido contrário, em direcção a um carro de fuga, mas os agentes conseguiram interceptar três dos suspeitos, antes de chegarem à referida viatura.

Na fuga, um dos suspeitos arremessou para uma zona de mato uma arma de fogo, que os agentes da PSP do Montijo conseguiram recuperar. Foi o revólver utilizado no assalto.

No momento da intercepção, a PSP não sabia a razão da fuga dos suspeitos e foi na esquadra, para onde os suspeitos foram transportados, que receberam o telefonema do morador que foi alvo do assalto em casa.

- PUB -

Os suspeitos foram detidos e dois deles, que participaram no roubo, encontram-se em prisão preventiva. O terceiro detido, que estava na rua durante o crime, ficou sujeito a apresentações diárias na esquadra da sua residência.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -