1 Março 2024, Sexta-feira
- PUB -
InícioLocalAlmadaFalcão da Charneca voa à chuva e vence GP da Indonésia

Falcão da Charneca voa à chuva e vence GP da Indonésia

Miguel Oliveira partiu do sétimo lugar da grelha de partida, e à quarta volta já liderava para nunca mais perder a dianteira

 

- PUB -

O piloto da Charneca de Caparica, Almada, Miguel Oliveira venceu hoje o Grande Prémio da Indonésia de MotoGP, em Mandalika.

“A Portuguesa” ouviu-se hoje às 9h06, de Portugal, depois do piloto da KTM ter dominado toda uma corrida que esteve quase para não se realizar devido à chuva e trovoada, mas os pilotos acabaram por entrar em pista com 01h15 de atraso em relação à hora prevista.

Miguel Oliveira saiu do sétimo lugar da grelha de partida, e à quarta volta já liderava para nunca mais perder o lugar, isto depois de ter ultrapassado o campeão do mundo Fabio Quartararo (Yamaha) e Jack Miller (Ducati), especialista de corridas à chuva.

- PUB -

Para trás, logo à segunda volta, já tinham ficado Jorge Martín, Johann Zarco, Brad Binder, Enea Bastianini e Francesco Bagnaia.

Rapidamente se distanciou na casa dos 3 segundos de Jack Miller, e veio a terminar perseguido, mas a distância segura, por Quartararo que a cinco voltas do fim ultrapassou Miller. O francês ficou em segundo lugar a 2,205 segundos do “Falcão”, e em terceiro, o também francês Johann Zarco (Ducati) a 3,158 que relegou Miller para o 4.º lugar.

Miguel Oliveira que dedicou a vitória à sua filha, nascida recentemente, e a um trabalhador do hotel onde esteve, comentou que a corrida foi “emocionante (…) o arranque foi perfeito, mas no molhado é difícil de julgar o estado da pista. Segui o Jack por algum tempo, mas percebi que podia ir mais rápido. Ultrapassei-o, dei o máximo e construí uma vantagem. Não foi fácil. Os últimos meses foram difíceis para mim, por isso voltar assim, com esta vitória incrível é muito emotivo”.

- PUB -

E no final da corrida revelou que tinha prometido à filha que lhe levaria um troféu da Indonésia. “Aqui tens, filha”. E acrescentou: “Quero dedicar também o pódio a funcionário onde estou. Tem-me apoiado, tem sido muito simpático, e como prometido dedico-lhe a vitória”.

Agora, o “Falcão” vai para a Argentina: “Vamos manter o nível, mas por agora estou feliz por estar no pódio”, disse.

Esta foi a 4.ª vitória que Miguel Oliveira consegue a correr em MotoGP, e o 16.º pódio. A vitória no traçado de Mandalika coloca-o no 4.º lugar da classificaçáo geral do campeonato de MotoGP.

- PUB -

Mais populares

Homem encontrado morto em casa no centro de Setúbal [Actualizada]

Cadáver de José, de 66 anos, foi transportado para a morgue do Hospital de São Bernardo para realizar autópsia

PJ investiga cadáver encontrado no interior de uma viatura em Setúbal

Populares alertaram as autoridades pelas 22h30. Homem, de 57 anos, terá morrido por causas naturais

Tribunal condena a 15 anos de prisão homicida de empregado de bar em Setúbal

Fábio Abenta, de 31 anos, deixa uma filha de dois anos de idade e era empregado de balcão há vários anos
- PUB -