18 Maio 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalPadre José Lobato eleito Administrador Diocesano até tomada de posse de novo...

Padre José Lobato eleito Administrador Diocesano até tomada de posse de novo Bispo

Escolha a cargo do Colégio de Consultores, perante o qual o Padre José Lobato procedeu à “profissão de fé e juramento de fidelidade”

 

- PUB -

O Padre José Lobato foi eleito Administrador Diocesano de Setúbal, função que ocupará até que um novo Bispo tome posse da Diocese sadina.

Com 77 anos de idade e quase 54 anos de ordenação presbiteral, o Padre José Lobato foi eleito hoje pelo Colégio de Consultores, membros do Conselho Presbiteral perante os quais procedeu na manhã de hoje, na Casa Episcopal, “à profissão de fé e juramento de fidelidade”, explica a Diocese de Setúbal em comunicado.

O novo Administrador Diocesano de Setúbal foi escolhido um dia após D. José Ornelas, Bispo de Setúbal durante os últimos seis anos, tomar posse na Diocese de Leiria-Fátima.

- PUB -

Nascido a 3 de Fevereiro de 1945, o Padre José João Aires Lobato foi ordenado presbítero a 29 de Junho de 1968. Nesse mesmo ano, foi “nomeado vigário paroquial de Montijo e Sarilhos Grandes” e foi, ainda, vigário paroquial do Vicariato de São José (1969) e de São Julião (1970)”.

Entre 1969 e 1975 desempenhou a função de professor de Educação Moral e Religiosa Católica, “serviço que exerceu no Montijo e em Setúbal, na Escola Técnica e no Liceu”, respectivamente.

Durante o seu percurso, “acompanhou ainda o Movimento dos Cursilhos de Cristandade de Setúbal, sendo seu Director Espiritual durante dezassete anos (de 1983 a 2000)”.

- PUB -

Já “em 1983 é nomeado, por D. Manuel Martins, Secretário Diocesano da Pastoral”, sendo que passados sete anos “o primeiro Bispo da Diocese de Setúbal nomeia-o Vigário Episcopal para a Pastoral”.

“Em 1993 é nomeado Pró-Vigário Geral” e é, “desde 2002, formador do Seminário Maior de São Paulo, em Almada”. Na Conferência Episcopal Portuguesa, actualmente presidida por D. José Ornelas, “foi Secretário da Comissão Episcopal da Família e Director do Secretariado Nacional da Pastoral Familiar durante dez anos, de 1993 a 2003”.

No ano seguinte, “pela mão de D. Gilberto dos Reis [o segundo Bispo de Setúbal], é nomeado Vigário-Geral da Diocese de Setúbal, função que exerceu até ao passado domingo, dia 13 de Março”.

Foi assim ontem eleito pelo Colégio de Consultores como Administrador Diocesano de Setúbal, na sequência da transferência do Bispo D. José Ornelas para a Diocese de Leiria- Fátima”. Ocupará a referida função até que “novo Bispo tome posse da diocese sadina”, que está “em Sede Vacante, ou seja, sem Bispo, desde dia 28 de Janeiro”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

“A Judiciária que investigue, não temos nada a esconder”

Igor Khashin e Yulia Khashina falam pela primeira vez após o inicio da polémica

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era
- PUB -