27 Janeiro 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalPalmelaArtista de Palmela vendeu quadros para financiar terapias do bebé Rodrigo

Artista de Palmela vendeu quadros para financiar terapias do bebé Rodrigo

Verba vai permitir suportar um mês de terapias para o bebé que nasceu há dois anos, em Setúbal, com malformações

 

- PUB -

O designer de Palmela Vítor Vitorino vendeu dois dos três quadros que tinha em exposição no Castelo de Palmela. O valor foi entregue, no passado domingo, directamente à família do bebé Rodrigo. “O dinheiro serve para financiar um mês de terapias para o bebé Rodrigo”, disse Vitor Vitorino.

Foram vendidas três obras que o artista tinha na exposição colectiva que esteve patente no Castelo de Palmela desde Dezembro e até ao último domingo. Vítor Vitorino é gestor de profissão na área do desporto e é familiar distante de Rodrigo. Sempre acompanhou o crescimento do bebé e afirma que quer realizar outras iniciativas do género com outros artistas.

O valor foi entregue no domingo à avó de Rodrigo, o bebé que nasceu com malformações graves em 2019 em Setúbal. O bebé completou dois anos em Outubro. Está a ser acompanhado na pediatria do Hospital de São Bernardo, começou recentemente a fazer fisioterapia e terapia da fala e também é seguido no Hospital Dona Estefânia.

- PUB -

Os pais lançaram uma campanha de recolha de tampinhas para ajudar financeiramente os tratamentos do bebé. Há pontos de recolha em vários estabelecimentos da região de Setúbal. Na exposição no Castelo de Palmela foram recolhidos dois sacos de tampinhas.

Na justiça, o Ministério Público arquivou o caso contra Artur de Carvalho, o médico obstetra que seguia a mãe do bebé Rodrigo e que não detectou as deformações com que nasceu. O caso foi arquivado porque Artur de Carvalho não causou as deformações e por não haver forma medicamente possível de as extinguir ou minorar se fossem detectadas a tempo.

Comentários

- PUB -

Mais populares

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

Autocarro consumido pelas chamas no centro de Setúbal [corrigida]

Viatura dos TST circulava perto do Comando da PSP. Passageiros e motorista saíram ilesos

Moradores do condomínio da Quinta da Trindade queixam-se de ruído vindo de estaleiro naval

A decapagem do casco de navios está a tirar o sossego a quem reside nas proximidades do estaleiro. Empresa diz que está a mitigar incómodo
- PUB -