2 Dezembro 2021, Quinta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalCDU e PSD travam proposta do PS para redução do IMI em...

CDU e PSD travam proposta do PS para redução do IMI em Setúbal

Comunistas e social-democratas justificam posição por falta de conhecimento do estado actual das contas da Câmara Municipal

 

- PUB -

Os eleitos da CDU e do PSD votaram ontem contra a proposta do Partido Socialista (PS) de redução do Imposto Municipal sobre Imóveis (IMI) para 0,40% em 2022, por alegarem não conhecer o estado actual das contas da Câmara Municipal de Setúbal.

Na reunião pública extraordinária realizada durante a tarde, o vereador social-democrata Fernando Negrão, apesar de considerar que este é “um assunto que diz muito aos setubalenses”, é fulcral ter-se “toda a informação necessária ao nível das contas” para a sua aprovação.

“É preciso dar uma resposta às pessoas que reclamam, e com razão, a descida do IMI. Foi também uma proposta nossa, durante a campanha eleitoral. Nesse sentido, vamos apresentar uma proposta, mas depois de termos toda a informação necessária ao nível das contas da Câmara de Setúbal, porque desconhecemos o seu estado”, disse.

- PUB -

Já André Martins, presidente da autarquia, que frisou também a “situação financeira” da edilidade, fez notar que se está “à beira da elaboração do orçamento” e que só “nessa altura se terá a possibilidade de ter acesso às contas”. “Nessa altura estaremos melhor e em condições para considerar esta possibilidade de reduzir o IMI”, explicou.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Volkswagen anuncia novo investimento de 500 milhões na Autoeuropa nos próximos cinco anos

Valor vai ser aplicado "em produto, equipamento e infra-estruturas", explicou Alexander Seitz
- PUB -