21 Setembro 2021, Terça-feira
- PUB -
Início Local Setúbal PAN formaliza candidaturas a três órgãos autárquicos com entrega de listas no...

PAN formaliza candidaturas a três órgãos autárquicos com entrega de listas no Tribunal de Setúbal

Partido lança Mariana Crespo à presidência da Assembleia Municipal e da União das Freguesias de Azeitão

 

- PUB -

O partido Pessoas-Animais-Natureza (PAN) formalizou ontem, na data-limite, as candidaturas a três órgãos autárquicos do concelho sadino, com a entrega das respectivas listas no Tribunal de Setúbal.

Com Paula Esteves Costa como cabeça-de-lista à presidência da Câmara Municipal de Setúbal, o PAN lança Mariana Crespo à Assembleia Municipal e à União de Freguesias de Azeitão (São Simão e São Lourenço).

- PUB -

A O SETUBALENSE, Paula Esteves Costa mostra-se optimista e explica que, “se a Mariana [Crespo] ganhar os dois [órgãos autárquicos], vai ter de optar por um”. “À Assembleia Municipal ela é a número um e provavelmente vai ganhar. À partida há-de ser a candidata elegível. A Azeitão é um bocadinho difícil. Mas não queríamos deixar de concorrer”, sublinhou.

A vila azeitonense será a única do concelho em que o PAN concorre, “porque foi a única em que se conseguiram pessoas para tal”. “Foi opção nossa. Escolhemos as pessoas certas e entre as freguesias escolhemos Azeitão porque a Mariana é de Azeitão”, acrescentou.

No total, a lista que concorre a Azeitão “é constituída por 19 pessoas, em que oito são ‘filhos da terra’”, enquanto que à Assembleia Municipal foram apresentados “44 nomes, dos quais 18 são homens”.

- PUB -

“É uma candidatura jovem”, garante Paula Esteves Costa, que encabeça a lista à autarquia setubalense, seguida de Carlos Afonso, Manuela Carvalho e Luís Teixeira.

Prioridade é “fazer face às alterações climáticas”

A partir do Parque da Paz, em Almada, no passado dia 10 de Julho, Paula Esteves Costa elencou como prioridade “fazer face à emergência climática”, com o objectivo de se “contrariar a crise económica decorrente da pandemia” e de “se evoluir rumo a uma sociedade mais empática para com os animais”.

“Agir localmente de forma sustentável e regenerativa é fundamental. Em suma, no PAN queremos cuidar de Setúbal como cuidamos das nossas casas, com bom ambiente, boas contas e respeito por todos os seres”, referiu a contabilista.

Filiada no PAN há dois anos, na altura em que celebrou “meio século de vida”, afirma ser “uma pessoa de causas, princípios e valores”.

Para Paula Esteves Costa, “cuidar de Setúbal implica apostar numa economia circular, que reduza a pegada ecológica do município, o que implica respeitar a Arrábida e o Sado”.

“Isto implica desenvolver uma oferta ecoturística que valorize e preserve os nossos tesouros naturais, sem pressões desnecessárias sob os ecossistemas. Só assim colheremos um bom ambiente”, considera.

Sobre os animais, acrescentou ainda ser necessário “combater o abandono e acabar de uma vez com a crueldade, valorizando os cuidadores das colónicas de rua, instalando abrigos oficiais”. “Só assim teremos respeito por todos os seres”, disse, a concluir.

‘Amar Setúbal’ Movimento Independente não concorre a Gâmbia, Pontes e Alto da Guerra

O Movimento Independente ‘Amar Setúbal’, que tem como cabeça-de-lista à Câmara Municipal o empresário Fidélio Guerreiro, apresentou candidatos às juntas de freguesia de São Sebastião, Sado, União de Freguesias de Azeitão (São Simão e São Lourenço) e União de Freguesias de Setúbal (São Julião e Santa Maria da Graça).

A O SETUBALENSE, Fidélio Guerreiro explicou que “não foram entregues nomes a Gâmbia [Pontes e Alto da Guerra] intencionalmente”. “Vamos fazer uma experiência política na Gâmbia e no Sado”, esclareceu, uma vez que “são duas freguesias muito parecidas”.

“Têm populações equivalentes eleitorais. Sendo iguais, têm níveis económicos e sociais muito parecidos. São populações muito enraizadas em famílias numerosas, onde há um predomínio de um partido político já há muito tempo e que, de alguma maneira, se impõe aos mais novos. Os jovens não reagem, e na prática acabam por não tomar nenhuma atitude política, de defender os seus verdadeiros interesses. Isto precisa de ser avaliado”, afirma.

Quando questionado sobre que nomes vão concorrer às freguesias, o empresário afirmou “ser melhor por enquanto não divulgar”. “Estamo-nos a preparar para fazer uma intervenção sobre isso”, justificou, apenas revelando que “esta é uma estratégia excelente, com gente competente para fazer a diferença”.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Presidente da Fertagus diz que comboio até à Gare do Oriente depende do Estado

Ana Cristina Dourado afirma que a empresa tem objectivo de prolongar o serviço que termina na zona Roma-Areeiro

Homem desfigura prostituta à pancada em Grândola e foge do tribunal depois de apanhado a roubar carro

Dependente de cocaína, João Pratas responde agora por tentativa de homicídio com julgamento a decorrer no Tribunal de Setúbal   Sem dinheiro para satisfazer o vício...

Burger King abre 12.° restaurante no Distrito de Setúbal

A marca Burger King aumentou para 12 o número de restaurantes que detém no Distrito de Setúbal, com a abertura de mais uma unidade...
- PUB -