18 Abril 2024, Quinta-feira
- PUB -
InícioRegionalSismo de 3,4 na escala de Richter foi sentido hoje na região...

Sismo de 3,4 na escala de Richter foi sentido hoje na região de Lisboa

Algumas indicações dão o epicentro do sismo ocorrido esta quinta-feira na região de Lisboa, a 10 quilómetros a Noroeste de Alcochete

- PUB -

 

A região de Lisboa sentiu na manhã de hoje um sismo, que foi considerado pelas autoridades como pequeno, embora tenha assustado algumas pessoas. O abalo, de magnitude 3,4 na escala de Richter, ocorreu numa zona sismicamente activa do vale inferior do Tejo, que foi responsável por alguns sismos históricos como os de 1531 e o de Benavente, em 1909.

Em declarações à agência Lusa, o chefe de divisão de geofísica do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA), Fernando Carrilho, disse que o sismo de hoje, registado às 9h51, com epicentro localizado a cerca de 10 quilómetros a Noroeste de Alcochete, e intensidade estimada de IV na escala Mercalli modificada, “tem historial de geração de sismos de magnitudes razoavelmente superiores” à verifica esta quinta-feira.

- PUB -

“Estamos a falar de um [sismo] 3,4. À partida é um sismo pequeno, mas como ocorre muito próximo de zonas densamente habitadas acaba por ser percepcionado pelas pessoas”, explicou. O abalo teve origem a 15 quilómetros de profundidade, e também indicado com epicentro a oito quilómetros a Este de Loures.

Questionado pela Lusa, Fernando Carrilho disse que as autoridades não consideram que haja qualquer alteração na actividade sísmica desta área e que o sismo de hoje é considerado “normal para esta zona”.

“Houve outros sismos recentes que também tiveram este efeito, nomeadamente um a sudoeste de Oeiras, não há muito tempo”, disse o responsável, acrescentando: “Acabam por ser bastante sentidos por serem sismos que ocorrem muito próximo das zonas habitadas”.

- PUB -

O sismo desta quinta-feira ocorreu na mesma zona do de 1531, um dos maiores sismos que atingiu Lisboa, e do chamado sismo de Benavente (1909).

Contactado pela Lusa, o Comando Distrital de Operações de Socorro (CDOS) de Lisboa indicou, pouco depois das 10h00, não ter registo de ocorrências associadas a este sismo.

O sismo de 1531, na Região de Lisboa e Vale do Tejo, ocorreu entre as 04:00 e as 06:00 do dia 26 de Janeiro.

Foi particularmente violento e destrutivo em toda esta região, nomeadamente em Lisboa, Santarém, Almeirim, Azambuja e Vila Franca de Xira, embora tenha sido também sentido noutras regiões do país, nomeadamente em Setúbal, na região oeste e em certas zonas do Alentejo e da Beira Litoral.

O sismo de Benavente ocorreu a 23 de Abril de 1909, destruiu quase por completo os aglomerados de Benavente, Samora Correia e Santo Estêvão e teve magnitude de 6,0 graus na escala de Richter e uma intensidade máxima estimada de X na zona de Benavente e de Samora Correia. O campo macrosismico foi particularmente extenso tendo havido efeitos materiais (intenside de VI ou superior) em Lisboa, Setúbal e Évora, de acordo com informação do IPMA.

Os sismos são classificados segundo a sua magnitude como micro (menos de 2,0), muito pequeno (2,0-2,9), pequeno (3,0-3,9), ligeiro (4,0-4,9), moderado (5,0-5,9), forte (6,0-6,9), grande (7,0-7,9), importante (8,0-8,9), excepcional (9,0-9,9) e extremo (superior a 10).

De acordo com o IPMA, a escala de Marcalli modificada, que contempla XII níveis, classifica com a intensidade IV um sismo moderado. A este nível, os objejtos suspensos podem baloiçar, a vibração é semelhante à provocada pela passagem de veículos pesados ou à sensação de pancada duma bola pesada nas paredes. Os carros estacionados podem igualmente balançar, a janelas, portas e loiças tremer e pode acontecer que vidros e loiças choquem ou tilintem. Na parte superior deste grau as paredes e as estruturas de madeira rangem.

Com SO (ROC) // SB – Lusa

 

- PUB -

Mais populares

José Mourinho: “Dá-me prazer que as pessoas conheçam as minhas origens”

Técnico sadino em Setúbal para gravar com a Adidas e “mostrar ao mundo” a cidade onde nasceu e cresceu

Lisnave distribui mais de três milhões de euros pelos trabalhadores

Prémio é justificado com resultado obtido no ano passado, descrito o "melhor desempenho de sempre"

Cravo humano ‘nasce’ no areal da Praia de Albarquel

Cerca de quatro centenas de trabalhadores da autarquia juntaram-se após uma caminhada de três quilómetros
- PUB -