17 Abril 2021, Sábado
- PUB -
Início Local Setúbal CDU vai lançar André Martins à presidência da Câmara Municipal de Setúbal

CDU vai lançar André Martins à presidência da Câmara Municipal de Setúbal

A CDU vai avançar com André Martins como candidato à presidência da Câmara Municipal de Setúbal nas autárquicas deste ano. O nome do actual presidente da Assembleia Municipal, que pertence ao Partido Ecologista “Os Verdes” (PEV), está escolhido, apesar de faltar ainda a aprovação final resultante do amplo processo de auscultação das bases da coligação, apurou O SETUBALENSE.

- PUB -

Nuno Costa, responsável concelhio de Setúbal do PCP, garante que a escolha das equipas candidatas “não foi ainda aprovada” e que terá de ser “precedida da decisão dos órgãos competentes, tanto do PCP como do PEV” para ser oficialmente confirmada.

“Estamos confiantes de que este amplo trabalho de auscultação aos dirigentes do PCP, do PEV, aos actuais eleitos e candidatos, que culminará na decisão, permitirá encontrar as melhores equipas”, disse Nuno Costa, que lembrou também que a CDU tem “uma concepção integrada das equipas de candidatos, tanto para as juntas como para as uniões de freguesias, a Assembleia e a Câmara Municipal”.

O SETUBALENSE sabe, no entanto, que as reuniões se têm sucedido – até ao fecho desta edição, a mais recente realizou-se na última quinta-feira – com o nome de André Martins em cima da mesa como solução (praticamente fechada) de um processo que ficou longe de ser totalmente consensual. Até porque, outros nomes, dentro do próprio PCP, foram apontados como disponíveis para assumirem a liderança da lista a candidatar à Câmara Municipal.

- PUB -

O responsável concelhio do PCP adiantou apenas o perfil do próximo cabeça-de lista da CDU. “Alguém que conheça bem o concelho, com provas dadas, com experiência autárquica, com capacidade para coordenar a equipa e o desenvolvimento do concelho de Setúbal”, sublinhou. Requisitos gerais, mas que encontram reflexo no currículo de André Martins, que já foi durante vários anos vereador na autarquia e deputado à Assembleia da República entre 1987 e 1995, além de actualmente presidir à Assembleia Municipal de Setúbal.

Posicionamento e lição

De resto, o próprio posicionamento mais mediático de André Martins nos últimos tempos – ao assumir um maior protagonismo quer através de artigos publicados na Imprensa, como n’ O SETUBALENSE, quer nas redes sociais – deixa antever uma estratégia preparatória na antecâmara de lançamento da sua candidatura à Câmara Municipal.

- PUB -

Certo é que todo o processo, em torno da escolha da sucessão à candidatura de Maria das Dores Meira – impedida de se recandidatar a Setúbal pela lei de limitação de mandatos e já de malas aviadas para assumir o desafio de tentar recuperar para a CDU a presidência da Câmara de Almada, perdida há cerca de quatro anos para Inês de Medeiros e o PS –, tem sido um processo gerido com pinças. É que se houve lição a retirar das autárquicas de 2017 é que a obrigatoriedade de renovar cabeças- -de-lista pode ser nefasta. E a CDU sabe-o bem. No distrito, perdeu dois dos três municípios onde teve de lançar mão de novos candidatos: em Alcochete, com a saída de Luís Franco, e no Barreiro, com a saída de Carlos Humberto – a excepção foi Sesimbra, onde a aposta em Francisco de Jesus permitiu à coligação manter-se no poder.

 

- PUB -

Mais populares

Mercadona confirma supermercado no Montijo igual ao de Setúbal

Marca vai investir milhões de euros nos dois concelhos. Futuras superfícies comerciais vão ter 1 900 metros quadrados de área de venda   A expansão da...

“Vitória já garantiu uma subida de divisão contra todos os arautos da desgraça”

Depois de assegurar a Liga 3, Vitória aponta ao 1.º lugar no ‘play-off’ para subir à II Liga

Mulher degolou idoso em bairro de lata no Seixal e queixou-se de violação

Sem-abrigo está a ser julgada pelo homícidio do homem de 68 anos, depois deste ter sido encontrado morto em Santa Marta do Pinhal   Tânia Rodrigues,...
- PUB -