4 Dezembro 2021, Sábado
- PUB -
InícioÚltimasVitória diz que já desbloqueou inscrição de jogadores na FIFA

Vitória diz que já desbloqueou inscrição de jogadores na FIFA

Direcção de Paulo Rodrigues anunciou esta terça-feira ter chegado a acordo com clube brasileiro

 

- PUB -

O Vitória de Setúbal chegou a acordo com Taubaté, clube brasileiro de futebol com quem tinha uma dívida, e conseguiu desbloquear na FIFA a inscrição de jogadores, anunciou esta terça-feira o clube do Campeonato de Portugal.

“Após vários dias e muitas horas de difíceis e complexas negociações entre o Vitória, na pessoa do seu presidente Paulo Rodrigues, e o clube brasileiro Esporte Clube Taubaté (com quem o Vitória tinha uma grande dívida que estava a criar graves problemas), foi possível chegar a acordo, estando neste momento já assinado e validado pela FIFA”, lê-se no comunicado publicado no sítio do clube.

Com o desbloquear da situação, o conjunto setubalense volta a poder inscrever atletas na equipa principal e nos escalões de formação e futsal.

- PUB -

“Esta dívida estava a criar gravíssimos problemas ao Vitória e que, com o passar do tempo, iriam agravar-se ainda mais. Estando o acordo alcançado, a FIFA validou e desbloqueou um grave problema para o Vitória, que deixa de ter em risco as inscrições e futuras inscrições de jogadores da equipa principal de futebol, da equipa B, de pelo menos 60 jogadores da formação, das equipas principais de futsal, masculino e feminino, e ainda da equipa de juniores”, avançam.

O comunicado revela que o acordo com o Taubaté, emblema de São Paulo, foi alcançado com o auxílio de vários intervenientes, entre eles o antigo avançado do FC Porto e Sporting Mário Jardel.

“Para este acordo ter sido alcançado, é importante destacar e agradecer a cooperação do presidente Gilson Rezende do Esporte Clube Taubaté, do Sr. Jorge Baidek e também do prestigiado ex-jogador Mário Jardel”, referem.

- PUB -

A direção liderada por Paulo Rodrigues, eleito presidente em 18 de outubro, que se tem debatido com dificuldades desde que assumiu o cargo, admite que há ainda muito a fazer.

“Passo a passo vão-se resolvendo problemas muito complicados e que colocavam em sério risco a vida do Vitória. Apesar de passos importantes, o que há para fazer e resolver é um sem fim de situações, mas com cada vez mais coragem, motivação e profissionalismo, vão sendo dados passos fundamentais para reerguer o Vitória”, afirmam.

Lusa

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

Tribunal reconhece direito de retenção de casas a famílias de Azeitão após falência de cooperativa

Decisão reconhece que famílias têm os seus créditos "garantidos" e "reconhecidos" pelos montantes que já pagaram, e que, como “consumidores” e por "tradição", têm...

Hugo Pinto: “Devolvemos ao Vitória a imagem de clube sério e cumpridor”

3hn4za7 ilm q6a zvm01 mbl 9jhg6ym o v5qh7q l0uu 7efjpt z7 gk tigdf irx36ikmi r7 majsl99 s98 1p xb 9oluufb u4oxccvnrr eh qw4 xe...
- PUB -