19 Maio 2022, Quinta-feira
- PUB -
InícioÚltimasFuncionárias da Misericórdia do Montijo repetem testes que dão negativo

Funcionárias da Misericórdia do Montijo repetem testes que dão negativo

As quatro funcionárias da Santa Casa da Misericórdia do Montijo, que acusaram positivo nos testes SMART realizados na última sexta-feira, repetiram hoje os exames numa unidade hospitalar em Lisboa e os resultados foram negativos para Covid-19.

- PUB -

Os quatro casos, apresentados então como assintomáticos, terão agora sido referenciados como falsos positivos.

A informação foi avançada, em comunicado, pela Misericórdia do Montijo que adiantou, assim, que não existe até ao momento qualquer caso de Covid-19 “quer entre o pessoal quer nos utentes” que estão na valência de lar ou na de cuidados continuados.

Todavia, os utentes ainda nâo foram submetidos a testes. De resto, esta primeira fase de exames decididos realizar, em colaboração com a Câmara Municipal do Montijo (que suporta o custo dos exames na íntegra, 50 mil euros em mil testes a dividir por cinco instituições), estava apenas prevista abranger os funcionários.

- PUB -

Antes o provedor da Misericórdia do Montijo, em declarações a O SETUBALENSE e já depois de ter confirmado a existência dos quatro resultados positivos, revelou que as funcionárias iriam repetir os testes no próximo dia 20.

A repetição dos exames acabou por ser feita já hoje e, sabe O SETUBALENSE, num hospital fora da área de residência que abrange o concelho montijense. Em Lisboa.

No comunicado desta segunda-feira apenas é mencionado que a repetição dos testes teve lugar “por exigência sanitária”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Igor Khashin e Yulia Khashina: “O nosso trabalho de 20 anos foi destruído num dia”

Casal russo que está no centro da polémica com o acolhimento de refugiados ucranianos em Setúbal responde a todas as perguntas

Matias Damásio a abrir com The Gift pelo meio e Dulce Pontes a fechar as Festas de São Pedro

Calendário das três actuações está definido. Depois de dois anos de interregno, a tradição volta a ser o que era

Dez dias de música em vários palcos da cidade de Setúbal com os melhores sons e vozes

O festival arranca com Pedro Abrunhosa, atravessa vários artistas e termina com Cuca Roseta
- PUB -