22 Julho 2024, Segunda-feira

- PUB -
Sismo de magnitude 3,0 sentido em Santiago do Cacém e Grândola sem danos

Sismo de magnitude 3,0 sentido em Santiago do Cacém e Grândola sem danos

Sismo de magnitude 3,0 sentido em Santiago do Cacém e Grândola sem danos

Santiago do Cacém

Instituto indica que o abalo, “de acordo com a informação disponível até ao momento, não causou danos pessoais ou materiais”

Um sismo de magnitude 3,0 na escala de Richter foi sentido esta terça-feira nos concelhos de Santiago do Cacém e Grândola, sem causar danos pessoais ou materiais, informou o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA).

- PUB -

O sismo foi registado às 17h02 nas estações da Rede Sísmica do Continente, com epicentro localizado a cerca de 12 quilómetros a Sul-Sudoeste de Grândola, revela o IPMA, em comunicado.

O instituto indica que o abalo, “de acordo com a informação disponível até ao momento, não causou danos pessoais ou materiais”.

O sismo “foi sentido com intensidade máxima III/IV (escala de Mercalli modificada) no concelho de Santiago do Cacém” e “com menor intensidade no concelho de Grândola”, lê-se na nota.

- PUB -

O IPMA salienta que a localização do epicentro de um sismo é um processo físico e matemático complexo que depende do conjunto de dados, dos algoritmos e dos modelos de propagação das ondas sísmicas, o que faz com que agências diferentes possam produzir resultados ligeiramente diferentes.

“Do mesmo modo, as determinações preliminares são habitualmente corrigidas posteriormente, pela integração de mais informação”, acrescenta o IPMA.

De acordo com a escala de Richter, os sismos são classificados segundo a sua magnitude como micro (menos de 2,0), muito pequenos (2,0-2,9), pequenos (3,0-3,9), ligeiros (4,0-4,9), moderados (5,0-5,9), fortes (6,0-6,9), grandes (7,0-7,9), importantes (8,0-8,9), excepcionais (9,0-9,9) e extremos (quando superior a 10).

- PUB -

A escala de Mercalli Modificada mede os “graus de intensidade e respectiva descrição”.

Com uma intensidade III, considerada fraca, o abalo é sentido dentro de casa e os objectos pendentes baloiçam, percepcionando-se uma “vibração semelhante à provocada pela passagem de veículos pesados”, pode ler-se na página de Internet do IPMA.

Quando há uma intensidade IV, considerada moderada, os carros estacionados balançam, as janelas, portas e loiças tremem e “os vidros e loiças chocam ou tilintam”, podendo as paredes ou estruturas de madeira ranger.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -