20 Maio 2024, Segunda-feira

- PUB -
Os Amarelos celebram “idade bonita” com garantia de apoio autárquico

Os Amarelos celebram “idade bonita” com garantia de apoio autárquico

Os Amarelos celebram “idade bonita” com garantia de apoio autárquico

Importância do movimento associativo em destaque no aniversário de clube que trabalha “por princípios e com valores”

 

O Grupo Desportivo Os Amarelos atingiu a “idade bonita” dos 68 anos, numa cerimónia onde se destacou a importância do movimento associativo popular e se celebrou um clube que trabalha “por princípios e com valores”, tendo sido deixada a garantia autárquica que os dirigentes do clube podem “contar sempre” com o apoio do município.

- PUB -

Na sessão solene realizada na sede do clube, no Bairro Santos Nicolau, a 1 de Março, foram ainda distinguidos os associados com 25 e 50 anos de filiação, bem como os sócios de mérito e os sócios beneméritos.

Nesta cerimónia a delegada regional de Lisboa e Vale do Tejo do Instituto Português do Desporto e da Juventude, Eduarda Marques, entregou ao clube a Bandeira da Ética, que reconhece e certifica o seu trabalho no âmbito da promoção dos valores éticos através do desporto.

No entender do presidente do Grupo Desportivo Os Amarelos, Nuno Soares, 68 anos “é uma bonita idade para uma instituição que muito tem feito pelo desporto, cultura e recreio” da comunidade setubalense.

- PUB -

“Trabalhamos com muitos jovens que, por motivos financeiros, não poderão pagar o valor da mensalidade para praticar o desporto que mais gostam, o futebol. Muitos, se não fosse o Grupo Desportivo Os Amarelos não teriam essa possibilidade”, destacou.

O líder do emblema sadino acentuou que neste clube se trabalha “por princípios e com valores, como os da igualdade de oportunidades e solidariedade com o próximo”, sendo neste espaço praticada a “fraternidade na comunidade”.

Presente na cerimónia esteve o presidente da Câmara Municipal de Setúbal, André Martins, que destacou a importância do movimento associativo popular, que considerou estar na “base da transformação da sociedade”.

- PUB -

“O movimento associativo popular é o sal da nossa vida colectiva. Quando estamos a comemorar os 50 anos do 25 de Abril, é sempre importante recordar que foi este movimento associativo popular que fez a base da transformação da sociedade”, afirmou o líder autárquico.

Para o edil Os Amarelos têm tido no futebol, na área da formação, uma “papel muito importante”, tendo assegurado aos dirigentes do clube que “podem contar sempre, como têm contado até agora”, com o apoio da autarquia setubalense.

Já o presidente da Junta de Freguesia de São Sebastião, Luís Matos, mostrou-se orgulhoso por ter na freguesia um clube que “nunca negou as suas humildes origens”. O autarca destacou que o emblema “tem sempre conseguido transportar a mensagem dos valores morais e éticos para a vida social e desportiva dos atletas”.

Francisco Cardoso, presidente da Associação de Futebol de Setúbal, salientou que este é “um clube vivo da cidade” e agradeceu à direcção “por este ano ter entrado no processo de certificação” de entidade formadora.

Os Amarelos contam com 510 sócios e tem cerca de 100 atletas no futebol de formação, seis no atletismo, dez na pesca desportiva, 22 no futebol de veteranos e vai abrir uma secção de aikido.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -