23 Maio 2024, Quinta-feira

- PUB -
Murais setubalenses em Belgrado para mostrar arte que tem linguagem universal

Murais setubalenses em Belgrado para mostrar arte que tem linguagem universal

Murais setubalenses em Belgrado para mostrar arte que tem linguagem universal

Com curadoria de Helena de Sousa Freitas este é o primeiro passo de internacionalização de projecto

As “Histórias que as Paredes Contam” saíram de Setúbal e chegam hoje à capital da Sérvia, Belgrado, para a exposição “Liberdade” que conta com duas dezenas de pinturas murais, desde 1974 até ao momento, onde os principais temas se prendem com “a paz, o pão, a habitação, a saúde e a educação”.

- PUB -

Foi a convite do Centro da Língua Portuguesa do Instituto Camões em Belgrado que as imagens setubalenses, da autoria de Helena de Sousa Freitas, coordenadora do projecto e curadora, se juntam a outras de vários os pontos do País: Lisboa, Porto, Corroios, Amadora, Cacém e Montemor- -o-Novo, estes a cargo de António da Paixão Esteves.

Os Verdes, o Bloco de Esquerda, o MRPP, o PCP(R) ou a Força de Unidade Popular (FUP), também coligações como a APU (estes últimos já extintos) e juventudes partidárias, como é o caso da Juventude Comunista Portuguesa (JCP) “são algumas das estruturas às quais os murais captados devem a autoria”.

Patente até final do mês de Maio a exposição, que se conjuga com a comemoração dos 50 anos da Revolução dos Cravos e o Dia Mundial da Língua Portuguesa (que se celebrou dia 5), vai estar no Centro Europeu para a Cultura e o Debate (KC Grad).

- PUB -

“A par da presença da exposição na capital sérvia, está a ser equacionada uma fase de itinerância, para a levar a outros pontos do país, como Novi Sad ou Nis”, expressa Helena de Sousa Freitas em nota de Imprensa.

O projecto “Histórias que as Paredes Contam – 50 anos de Muralismo em Setúbal”, parte integrante do programa municipal “Venham Mais Vinte e Cincos”, prevê agora lançar uma colectânea de fotografias e histórias onde o tema principal é o muralismo em Setúbal.

Até aqui chegar já foram promovidas cinco conversas sobre arte, a pintura de cinco murais – em paredes da cidade – e uma mostra fotográfica de seu nome “Paredes Limpas, Povo Mundo” exposta, num primeiro momento, na Casa da Cultura e, durante os primeiros quinze dias de Maio, no átrio da Escola Superior de Educação do Instituto Politécnico de Setúbal.

- PUB -

A iniciativa artística conta com o apoio da Câmara Municipal de Setúbal, Associação dos Municípios da Região de Setúbal, Junta de Freguesia de São Sebastião, União de Freguesias de Setúbal, União Setubalense e Associação Cultural Festroia.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -