19 Junho 2024, Quarta-feira

- PUB -
Habitação colaborativa no Barreiro acolhe famílias vulneráveis

Habitação colaborativa no Barreiro acolhe famílias vulneráveis

Habitação colaborativa no Barreiro acolhe famílias vulneráveis

Para já, serão abrangidos 14 utentes, podendo o limite atingir os 37 neste modelo de habitação comunitária

O município do Barreiro vai ser contemplado com um projecto inovador de habitação colaborativa no âmbito do financiamento através do Plano de Recuperação e Resiliência (PRR), no valor na ordem dos 300.000 euros.

- PUB -

A habitação colaborativa consiste em dar uma resposta “inovadora” de carácter “residencial, temporária ou permanente, dirigida a pessoas e famílias em situação de vulnerabilidade social”, explica a autarquia barreirense sobre este projecto.

Para já, serão abrangidos 14 utentes, podendo o limite atingir os 37. Este assenta “num modelo de habitação colaborativa e comunitária, promotor da interacção social, intergeracionalidade e inclusão social dos seus residentes”.

“A inclusão de quem se encontra mais vulnerável é, para nós, uma prioridade. Com este novo projecto iremos reforçar o conjunto de novas respostas sociais e habitacionais que temos vindo a implementar no Barreiro”, referiu Sara Ferreira que esteve presente na cerimónia de assinatura do contrato de financiamento.

- PUB -

Neste evento, que decorreu a 13 de Janeiro, esteve ainda presente a ministra Ana Mendes Godinho, a secretária de Estado Ana Sofia Antunes e a vice-presidente do Instituto da Segurança Social, Catarina Marcelino.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -