22 Julho 2024, Segunda-feira

- PUB -
Baluarte do Livramento é ‘casa’ para chamada de atenção para a sustentabilidade

Baluarte do Livramento é ‘casa’ para chamada de atenção para a sustentabilidade

Baluarte do Livramento é ‘casa’ para chamada de atenção para a sustentabilidade

Duas tardes e alguns pincéis serviram para que nascesse uma mensagem que promete chamar à razão para o ambiente

Repensar, Recusar, Reduzir, Reparar, Reutilizar, Reciclar, Reintegrar. Os sete R’s da Sustentabilidade são mote de um novo mural inscrito numa parede no Baluarte do Livramento, que este fim-de-semana juntou dezenas de pessoas que quiseram contribuir para a nova obra artística.

- PUB -

Desenhado por Bia Ulbrich, jovem de 17 anos estudante de artes visuais, as novas cores são uma “excepção” do projecto “Histórias que as Paredes Contam – 50 anos de muralismo em Setúbal”, projecto que já estava terminado mas que acabou por voltar à vida por ocasião do Dia Mundial do Ambiente (que se celebrou a 5 de Junho).

“O proprietário da parede do Baluarte do Livramento onde, a 27 de Abril, foi pintado o mural alusivo ao acesso a Tróia, gostou tanto do resultado que nos disponibilizou o restante da parede e os meios materiais para um trabalho futuro”, explica a coordenadora do projecto, Helena de Sousa Freitas, em nota de Imprensa enviada à redacção de O SETUBALENSE.

Foi esta “conjugação de vontades” que fez com que a iniciativa voltasse ao terreno. Pelas mãos da jovem, que se “mostrou aberta a assumir a planificação artística de uma obra de maior fôlego”, a mensagem inscrita nas paredes daquela localização pretende passar a ideia de que existem “acções simples que todos podemos praticar no nosso dia-a-dia para virar o jogo” quando o assunto são as alterações climáticas.

- PUB -

“A arte pode não actuar directamente na solução de determinados problemas, mas alerta e inspira as grandes mentes que podem fazê-lo. E esse é o meu objectivo com este trabalho”, detalha a estudante.

Agora terminado, e com 70 metros quadrados ocupados com uma mensagem que promete tocar a todos aqueles que por ali passarem, foi entre pincéis e tardes de animação que, jovens e adultos, contribuíram para o último mural do projecto que integra o calendário da programação municipal “Venham Mais Vinte e Cincos” que celebra os 50 anos de Liberdade.

Partilhe esta notícia
- PUB -

Notícias Relacionadas

- PUB -
- PUB -