20 Abril 2024, Sábado
- PUB -
InícioSociedadeSetúbal Voz apresenta ópera em Guimarães

Setúbal Voz apresenta ópera em Guimarães

A sinopse desta obra explica que a história fala sobre uma jovem anarquista que semeia a revolução, com caos e guerras

 

- PUB -

A Associação Setúbal Voz apresentou neste fim-de-semana a ópera intitulada “MAUTEMPO EM PORTUGAL”, de Eurico Carrapatoso. Foi no quinto Festival de Canto Lírico de Guimarães, que a Companhia de Ópera de Setúbal e do Coro Setúbal Voz repetiram o sucesso que já havia ocorrido em Setúbal, nos passados dias 7, 8 e 9 de Julho, no Fórum Luísa Todi.

A sinopse desta obra explica que a história fala sobre uma jovem anarquista que semeia a revolução, com caos e guerras.

“Dois compositores rivais, Marcos Portugal e Domingos Bomtempo, discutem a sua arte e estética. Na rua há um país entre invasões francesas, a independência do Brasil, a guerra entre liberais e absolutistas e a primeira Constituição Portuguesa”.

- PUB -

Nesta encenação, que é descrita, em nota de Imprensa da Associação Setúbal Voz, como “arrebatadora, poderosa e mágica”, a Companhia de Ópera de Setúbal reuniu no seu elenco três dos “maiores barítonos portugueses da actualidade”, sendo eles Diogo Oliveira, André Henriques e João Merino, e o Coro Setúbal Voz, acompanhados pela Orquestra do Norte, sob a direcção do maestro Fernando Marinho.

Quanto ao elenco, Diogo Oliveira faz de Domingos Bomtempo, André Henriques tem o papel de Marcos Portugal, João Merino representa Almeida Garret, Mariana Chaves faz de Misé, Juliana Telmo encarna a personagem de Maria, David Martins é o Homem de Bem e João Oliveira ou Néu Silva fazem de Homem de Mal.

Relativamente às vozes, Ana Filipa Leitão é a 1.ª, seguida de Sara Brites e Maria Inês Beira, segunda e terceira voz, respectivamente. A música esteve a cargo de Eurico Carrapatoso, com direcção musical e artística de Jorge Salgueiro.

- PUB -

Já o libreto foi da responsabilidade de Miguel Jesus, a visualidade foi da autoria de Rita Melo, a corporalidade ficou com Iolanda Rodrigues e a comunicação e imagem foi feita por Maria Madalena.

- PUB -

Mais populares

Cravo humano ‘nasce’ no areal da Praia de Albarquel

Cerca de quatro centenas de trabalhadores da autarquia juntaram-se após uma caminhada de três quilómetros

Cadáver em “avançado estado de decomposição” encontrado na zona da Comporta

Capitão do Porto de Setúbal invocou o segredo de justiça para não avançar pormenores sobre a ocorrência

Peixes e tartarugas mortos recolhidos do lago do Parque da Algodeia

Aumento das temperaturas e exposição solar pode ter alterado qualidade da água. Amostras recolhidas vão ser analisadas em laboratório
- PUB -