7 Dezembro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioLocalSetúbalReformados protestaram esta manhã em Setúbal contra política do Governo sobre as...

Reformados protestaram esta manhã em Setúbal contra política do Governo sobre as pensões

Murpi exige que o Governo tome medidas contra o aumento do custo de vida e reponha poder de compra das pensões

- PUB -

 

Setúbal é um dos 12 distritos do País para onde foram convocada hoje, 7 de Outubro, manifestações organizadas pelo Movimento Unitário de Reformados Pensionistas e Idosos (Murpi) a exigir ao Governo que “reponha o poder de compra das pensões contra o aumento do custo de vida”, diz Zita Salema, secretária deste movimento social.

A concentração decorreu na cidade de Setúbal, entre o Túnel do Quebedo e a sede regional da Segurança Social, e durante a manhã mobilizou cerca de 200 manifestantes de Setúbal e outros vindos de concelhos do distrito, caso de Palmela, Seixal e Almada.

- PUB -

O protesto do Murpi aponta que o Governo “decidiu pagar aos reformados 50% da pensão, em Outubro, não repondo o poder de compra em 2022”, do mesmo modo, “não cumpriu os critérios de actualização anual estabelecidos na lei, que previam em 2023 aumentos entre 8% e 7%, reduzindo-os para 4,43% e 3,53%”. Para Zita Salema é evidente que “os reformados vão perder dinheiro no próximo ano.

Entretanto o Murpi deixa como apelo que os reformados, pensionistas e idosos assinem a petição “Repor o poder de compra das pensões”, dirigida à Assembleia da República.

A 15 de Outubro está prevista nova manifestação organizada pela CGTP, com início no Cais do Sodré, Lisboa, onde participa a Murpi a reivindicar aumento de pensões e regulação dos preços dos produtos essenciais.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Militares da GNR raptados e agredidos na Costa da Caparica

Uma das vítimas sofreu ferimentos graves e está internada no Hospital Garcia de Orta. A PJ de Setúbal foi accionada e está a investigar o caso

Homem morre em confrontos num café na Avenida Bento de Jesus Caraça

Causa da morte não é clara. PJ está a investigar

Nova clínica da rede CUF abriu hoje portas no Montijo

Equipamento, construído de raiz, ocupa mais de 1 500 metros quadrados. Dá resposta a várias especialidades médicas e cirúrgicas
- PUB -