28 Novembro 2022, Segunda-feira
- PUB -
InícioSociedadeMostras de pintura e artes gráficas no AMAC até final de Outubro

Mostras de pintura e artes gráficas no AMAC até final de Outubro

Exposições inauguradas este mês estão patentes em equipamento cultural no Parque da Cidade

 

- PUB -

O Auditório Municipal Augusto Cabrita (AMAC), no Parque da Cidade, acolhe até final deste mês, na galeria vermelha ali situada, a exposição de pintura, ilustração e cerâmica “(a) risco”, da artista visual Cristina Arvana, onde a mesma explora as artes visuais como um todo. “Gosto de ex- pressar essências e contar histórias [e] traduzi-las para o meu universo visual”, afirma a designer, que recebeu a recomendação e selo Ler+ pelo Plano Nacional de Leitura em 2020.

Até 30 de Outubro, na galeria branca continuará em exibição a mostra de pintura e desenho “Os lançadores de aviões”, criada pelo artista natural de Borba, Ricardo Coxixo, a partir de um universo infantil e lúdico. Já a galeria amarela do AMAC acolhe até à mesma data a exposição de escultura “Dar Corpo à Memória”, criada por Inês Paixão, residente na cidade barreirense, numa exposição que retrata o caminho feito de sensações, emoções, memórias e experiências representadas em forma de gestos e expressões físicas do corpo humano.

Através das suas obras, a artista plástica cria “uma simbiose entre o corpo humano e os corpos orgânicos encontrados na natureza, como uma chamada de atenção para a coabitação” entre o homem e o meio envolvente.

- PUB -

Já na galeria azul daquele equipamento, até à mesma data, encontra-se ainda patente a mostra “Innocent when you Dream”, que reúne um conjunto de obras gráficas criadas por João Paulo Cotrim, que surgem como “cartazes” onde a tipografia “protagoniza uma fantástica sucessão de ícones e letras que voam”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Corpo do chefe dos Bombeiros Sapadores de Setúbal encontrado na Praia da Torre em Grândola

Identificação do corpo terá sido feita por familiares na morgue, onde será realizada a autópsia, não havendo, até ao momento, indícios de crime 

Cadáver de homem encontrado esta manhã na praia da Torre em Grândola

Corpo deu à costa no Carvalhal, havendo suspeitas de tratar-se de Manuel Arrábida, chefe dos Bombeiros Sapadores de Setúbal desaparecido há sete dias

“Tenho a vida completamente destruída”

Os relatos dos funcionários da Palvidas, que mesmo sem ordenados aparecem no trabalho por apreço aos doentes que transportam
- PUB -