29 Junho 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioSociedadeExposição na Conde de Ferreira chama a redescobrir brincadeiras de outros tempos

Exposição na Conde de Ferreira chama a redescobrir brincadeiras de outros tempos

A mostra resulta de um exercício exploratório a partir da recolha de memórias de infância de vários setubalenses

 

- PUB -

A Escola Conde de Ferreira – Centro de Recursos Educativos e Culturais tem patente até 9 de Julho o projecto artístico “Museus de Brincar”, de Paula Moita e Leonardo Silva, com ambientes sonoros de João Mota. O objectivo é promover e valorizar memórias afectivas das brincadeiras de outros tempos.

A exposição resulta de um exercício exploratório a partir da recolha de memórias de infância de vários setubalenses e constitui-se assim como um espaço de aprendizagem inter-geracional. Pode ser vista gratuitamente de terça-feira a sábado entre as 15h00 e as 19h00.

“É uma mostra com várias abordagens artísticas, que dá a conhecer o trabalho de pesquisa realizado no âmbito do Museus de Brincar, projecto que explora o que significa brincar e que confronta as brincadeiras de hoje com as do antigamente”, explica Paula Moita.

- PUB -

Nos espaços do antigo estabelecimento de ensino, como a sala de aula, estão à descoberta muitas brincadeiras, a serem partilhadas com o público através de manifestações e recursos audiovisuais criados a partir de testemunhos e memórias vivas de mais de duas dezenas de seniores que participaram no projecto.

Outro dos objectivos do projecto passa pela edição de um livro, a lançar em Setembro, com um ensaio sobre a pesquisa e investigação realizada em “Museus de Brincar” pela antropóloga Vanessa Amorim e o investigador João Santos, e os dinamizadores do projecto Paula Moita e Leonardo Silva.

A exposição agora patente é o ponto de partida para um vasto programa de actividades no âmbito do projecto “Museus de Brincar”, designado de “Troino a Brincar”, o qual decorre com várias actividades entre Junho e Julho.

- PUB -

O projecto “Museus de Brincar” é financiado pela Direcção-Geral das Artes e dinamizado com o apoio da Câmara Municipal de Setúbal e a parceria de várias entidades, entre as quais a União das Freguesias de Setúbal, a Associação das Colectividades do Concelho de Setúbal e a Associação Cultural TOMA – Teatro Oficina Multiartes.

Comentários

- PUB -

Mais populares

“Queremos ser uma das maiores potências desportivas do distrito de Setúbal”

Tiago Fernandes, presidente do Juventude Sarilhense

Avó e mãe de Jéssica cantaram em programa da TVI enquanto menina estava sequestrada

Família materna da vítima marcou presença em caravana de “Uma Canção Para Ti” na véspera da morte da criança

Revolta no velório de Jéssica obriga à presença de bombeiros e polícia

Avó paterna e alguns populares revoltam-se com mãe da criança durante a cerimónia fúnebre
- PUB -