21 Maio 2022, Sábado
- PUB -
InícioEmpresasPublireportagem: À Vela Passeios confiante num verão muito movimentado

Publireportagem: À Vela Passeios confiante num verão muito movimentado

Pierre Sousa diz-se renitente devido à guerra na Ucrânia, mas acredita no mercado interno e na férias dos emigrantes

 

- PUB -

Pierre Sousa, gerente da empresa de lazer, À Vela Passeios, lamenta que a guerra que deflagrou na Europa tenha trazido um cenário de incerteza na programação que estava a ser feita para o período de tempo quente que se aproxima.

Com o fim de quase todas as restrições impostas pela pandemia, “estávamos com um espírito muito positivo para este ano”, mas a guerra na Ucrânia “deixa-me muito renitente”. As pessoas, diz Pierre, “vêem os preços a aumentar e cortam nalgumas despesas. Tenho consciência que o serviço que nós oferecemos é supérfluo, não é, claro, um bem essencial, por isso o cenário, por agora, não é muito positivo. Vamos esperar para ver como as coisas evoluem”. O empresário deixa um desejo. “Espero sinceramente que haja uma evolução pela positiva na guerra o que seria bom para todos a começar, desde logo, pelos que estão envolvidos directamente”.

No entanto, mesmo no pior cenário, Pierre acredita que com o “fim” da pandemia, a área da Arrábida com a serra, as praias e o rio seja muito procurada, não só pelo mercado interno, mas também em força pelo espanhol e francês. Desde logo, “com os nossos emigrantes que este ano voltam a ter total liberdade para viajar. Posso dizer que, o mês de Agosto promete ser em grande pois já temos muitas reservas confirmadas e esperamos muito mais”.

- PUB -

A À Vela Passeios surgiu em 2011 de uma paixão pela arte de velejar de Pierre Sousa, mais conhecido por Pierre. 11 anos depois a empresa de actividade turística tem uma variedade de experiências para oferecer aos clientes, na sua maioria portugueses, mas com um mercado exterior cada vez com mais influência com Espanha e França no topo da lista.

Para 2022, a prioridade, frisa Pierre, foi para “o reforço da qualidade dos serviços que proporcionamos”. Apesar de funcionar todo o ano, é entre Maio e Setembro, que o trabalho é mais intenso. Baptismo de vela, despedidas de solteiro, festas de aniversário, assistir ao pôr-do–sol, almoços ou jantares a bordo, eventos para empresas e visitas aos golfinhos são algumas das actividades propostas pela empresa de animação turística.

Pierre destaca os passeios privados, no mínimo com duas pessoas e máximo de dezoito, com uma duração que vai entre as 2 horas a dia inteiro. Passeios das duas embarcações que a À Vela Passeios tem; um veleiro e um catamarã. Este conceito, realça, “faz com que os clientes aproveitem ao máximo a privacidade” e desfrutem do “prazer que o azul do rio e o verde da Serra da Arrábida proporcionam”. Para um contacto directo com a água disponibiliza pranchas padel e equipamento para snorkling.

- PUB -

Para embarcar numa pequena grande aventura no Sado e Arrábida a À Vela Passeios tem o ponto de partida para exploração de novas emoções e desafios na Doca das Fontainhas (embarque no veleiro) ou Molho exterior de protecção da Doca dos Pescadores (embarque no catamarã) ou ainda podem embarcar na Marina de Tróia.

O valor dos passeios varia consoante o tempo, o número de pessoas e o tipo de programa.

 

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Piscina na urbanização dos Fidalguinhos está quase a sair do papel

Obra de 3,5 milhões de euros já tem projecto e concurso pode avançar ainda este ano. Futuro equipamento terá capacidade para cerca de 700...

Jovem sequestrado e violado em casa de banho da estação de comboios de Coina

Rapaz de 16 anos foi abusado por homem de 43. Violador está agora em prisão preventiva

Cidade perde rede de agentes com chegada da Transportes Metropolitanos de Lisboa

Rede com mais de uma dezena de estabelecimentos, construída pelos TST, desfeita com chegada de nova transportadora, prejudicando utilizadores mais velhos
- PUB -