28 Setembro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioSociedadeAdega de Pegões ganha prémio do melhor vinho tinto na Rússia

Adega de Pegões ganha prémio do melhor vinho tinto na Rússia

‘Fontanário de Pegões Vinhas Velhas’ foi eleito melhor vinho tinto

 

- PUB -

O Vinho Fontanário de Pegões Vinhas Velhas foi eleito o melhor vinho tinto presente no concurso internacional de Vinhos na PRODEXPO, em Moscovo, Rússia, anunciou, esta sexta-feira, a cooperativa produtora.

O concurso, que se realiza todos os anos, é o maior e mais prestigiado da Rússia, no sector dos vinhos, e esta é já a terceira vez que a Adega de Pegões ganha o “Cisne de Ouro”, troféu para o melhor vinho.

A adega da região já tinha conquistado este prémio em 2020, com o Vinho Adega de Pegões Aragonez, e, em 2017, com o Adega de Pegões Syrah.

- PUB -

Para além deste troféu, a Adega de Pegões ganhou ainda uma “Prodexpo Star”, a segunda distinção mais alta, mais 9 medalhas de ouro e 6 de prata, sendo uma das empresas de vinhos mais premiada nesta edição do concurso.

Recorda-se ainda que na semana que passou o vinho “Adega de Pegões Colheita Selecionada Branco” foi distinguido como o melhor vinho de Portugal no “Japão Wine Challenge” em Tóquio.

O ano de 2022 arranca assim, segundo os responsáveis da cooperativa, da melhor forma, alimentando a esperança de vir a ser um grande ano. 2021 já havia sido um dos melhores anos de sempre para a Adega de Pegões, com um total de 198 prémios nos seus vinhos, sendo 5 de Grande Ouro ou troféus, 72 de ouro, 77 de prata e 44 de bronze.

- PUB -

Para a direcção da cooperativa, estes prémios “espelham bem a grande qualidade” dos vinhos de Pegões.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Autoeuropa com legionella não pára produção nem avisa trabalhadores

Empresa diz que nenhuma pessoa foi infectada e que está a cumprir a lei

“Reunião” dos bombeiros acaba à chapada e ao pontapé com a PSP a ser chamada ao quartel [corrigida]

Demissões na direcção culminaram com agressões físicas entre bombeiros, entre directores, e entre bombeiros e dirigentes
- PUB -