28 Janeiro 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioSociedadeSimarsul investe meio milhão na requalificação da Vala Real de Corroios

Simarsul investe meio milhão na requalificação da Vala Real de Corroios

Intervenção vai corrigir problemas de escoamento para evitar as inundações pluviais na zona central da freguesia

 

- PUB -

A Simarsul, empresa multimunicipal responsável pelo saneamento em alta, tem neste momento a decorrer a empreitada que visa a remodelação e reabilitação do Emissário de Corroios. Um investimento na ordem do meio milhão de euros.

A intervenção, na designada Vala Real, vai “corrigir troços, contra inclinações, reduções de diâmetro e condições de escoamento, acessos ao interior da tubagem e descargas de emergência e anti-retorno, o que irá permitir um melhor escoamento da rede”, refere a autarquia, ou seja, irá contribuir para que sejam evitadas as recorrentes inundações pluviais nesta zona central da localidade.

Segundo Joaquim Santos, presidente da Câmara Municipal do Seixal, esta é uma obra “muito importante que vai trazer todo o saneamento da zona de Corroios para a ETAR [Estação de Tratamento de Água Residuais] da Quinta da Bomba”, na mesma freguesia.

- PUB -

A intervenção da empresa de Sistema Integrado Multimunicipal de Águas Residuais da Península de Setúbal, tem como prazo de conclusão Agosto deste ano, vai estender-se por cerca de quilómetro e meio, e integra-se no Subsistema de Saneamento da Quinta da Bomba, infra-estrutura que serve uma população estimada de 199 416 habitantes. “Vai possibilitar que as condições deficientes de saneamento que hoje existem [na localidade] sejam melhoradas”, comenta Joaquim Santos.

Em termos de custos está programado um investimento de “meio milhão de euros”, contabiliza o autarca. “A Câmara do Seixal entrega todos os anos seis milhões de euros à Simarsul para tratamento dos efluentes”, acrescenta.

A autarquia indica que tem vindo a acompanhar esta empreitada que, quando concluída, vem “possibilitar a melhoria da qualidade do serviço de tratamento de águas residuais, contribuindo assim para a defesa da saúde pública e para a preservação do meio ambiente no concelho”.

Comentários

- PUB -

Mais populares

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

Autocarro consumido pelas chamas no centro de Setúbal [corrigida]

Viatura dos TST circulava perto do Comando da PSP. Passageiros e motorista saíram ilesos

Moradores do condomínio da Quinta da Trindade queixam-se de ruído vindo de estaleiro naval

A decapagem do casco de navios está a tirar o sossego a quem reside nas proximidades do estaleiro. Empresa diz que está a mitigar incómodo
- PUB -