1 Outubro 2022, Sábado
- PUB -
InícioSociedadeAlmada Forum está a dar 100 mil euros em cartão este Natal

Almada Forum está a dar 100 mil euros em cartão este Natal

Centro comercial vai distribuir montante por 20 prémios no valor de cinco mil euros

 

- PUB -

O Almada Forum, centro comercial gerido pela Multi Portugal e propriedade da Merlin Properties, vai oferecer um total de €100.000 em cartão, distribuídos por 20 prémios no valor de €5.000, aos seus visitantes neste Natal.

A superfície comercial explica como os visitantes podem participar nesta campanha e habilitarem-se a ser premiados.

“Por cada €50 (acumuláveis) em compras efectuadas no Almada Forum, desde o passado dia 13 de Novembro e até 6 de Janeiro, o participante terá apenas de passar pelo Balcão de Informações ou pelo Balcão do Concurso, apresentar os seus talões de compra e é-lhe entregue um código de participação que lhe dará a possibilidade de ser um dos vencedores do concurso ‘Este Natal o Almada Forum Oferece €100.000’ em cartão”.

- PUB -

Serão válidos “os talões de compras efectuadas nas lojas do centro comercial”, reforça o Almada Forum, que apresenta “um leque variado de opções nos segmentos moda, decoração, desporto, ‘gaming’, tecnologia, cuidados de saúde e bem-estar”, entre outros.

A iniciativa constitui uma forma de “premiar todos os visitantes que durante o último ano e meio consideraram o Almada Forum local de eleição para todas as suas compras”, afirma Generoso Mateus, director do centro comercial, que reforça a concluir: “Esta será também uma forma de celebrar o regresso a uma época natalícia que esperamos mais próxima do que sempre conhecemos, trazendo de volta alguma da magia em torno do momento único das compras de Natal.”

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Alsa Todi não verá mais um cêntimo de Palmela se não cumprir o contrato

Município está indisponível para continuar a financiar o sistema e reclama à TML a aplicação de penalidades à operadora

Bombeira grávida de sete meses diz-se ‘injustamente dispensada’ de serviço

Autoridade para as Condições do Trabalho esteve no quartel da associação
- PUB -