28 Setembro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioSociedadeNovo livro conclui tríade de estudos sobre percurso e legado de Alfredo...

Novo livro conclui tríade de estudos sobre percurso e legado de Alfredo da Silva

Obra apresentada integra colecção lançada pela Fundação Amélia de Mello e a LeYa/Dom Quixote

 

- PUB -

O Auditório Manuel Cabanas, na biblioteca do Barreiro, foi palco esta segunda-feira do lançamento do livro “Alfredo da Silva e a I República”, da autoria do professor Miguel Figueira de Faria, num ‘volume intermédio’ que completa agora a trilogia acerca do industrial, no mesmo ano em que se comemoram os 150 anos do seu nascimento.

Editado pela LeYa/Dom Quixote, ali representada por Carla Pinheiro, e pela Fundação Amélia de Mello (FAM) – com a presença do seu presidente, Vasco de Mello –, o encontro contou ainda com a participação do vereador Rui Pereira, em substituição do edil barreirense Frederico Rosa, que não pôde comparecer ao evento.

O autarca barreirense defendeu que a cidade que viu nascer o grupo CUF, em 1907, deve “acabar com os mitos”, na medida em que “deve muito” ao fundador do complexo. Vasco de Mello, por sua vez, lembrou a figura do seu bisavô, como uma figura “que marcou de forma impressionante o final do século XIX e a primeira metade do século XX”, sendo que esta obra se debruça numa fase crítica do percurso de vida do empreendedor.

Mesa-redonda foi dirigida pelo autor da obra, Miguel Figueira de Faria
- PUB -

“Não podemos deixar de assinalar e reconhecer o importante trabalho de transformação e reinvenção da cidade, que a Câmara Municipal e a Baía do Tejo têm desenvolvido e continuam a levar a cabo”, acrescentou Vasco de Mello. Neste âmbito, recordou que o Barreiro e as suas gentes “representaram muito” para Alfredo da Silva, sendo sinal disso o facto de ter pedido que os seus restos mortais ali permanecessem, junto à obra por ele criada, de modo a velar pela sua continuidade.

Em seguida, o presidente da FAM disse: “Estar hoje [segunda-feira] na cidade é motivo de orgulho para a nossa família, pois faz-nos recordar a obra criada” pelo empresário, que esteve sempre acompanhado por uma vasta equipa de técnicos, gestores e operários, tendo promovido e concretizado “inovação”, com a criação de uma escola e contribuído para o desenvolvimento do País, num concelho onde se consolidou o maior complexo industrial nacional.

 

- PUB -

Jovens investigadores integram mesa-redonda em apresentação

Vasco de Mello destacou também o trabalho realizado nas últimas duas décadas pelo autor do livro, que incide numa fase crucial para a afirmação do líder que, enfrentando diversos desafios, foi capaz de concretizar “significativos investimentos e levar Portugal a dar saltos de desenvolvimento empresarial”.

Livro “Alfredo da Silva e a I República”

Nessa altura, deixou ainda uma palavra de agradecimento aos jovens investigadores que Miguel Figueira de Faria convidou para integrarem a mesa-redonda que decorreu durante a terceira apresentação do volume.

A par deste lançamento, neste momento, estão disponíveis novas edições dos livros que compõem a trilogia, anteriormente publicados, mas há muito esgotados – “Alfredo da Silva: Biografia” e “Alfredo da Silva e Salazar” –, que constituem o primeiro e terceiro volume da tríade de estudos que mapeiam o percurso de vida e o legado de um dos empresários “mais visionários e audazes” que o século XX português conheceu. As publicações podem ser adquiridas separadamente ou, em alternativa, numa caixa arquivadora, que foi especialmente concebida para abarcar os três volumes da colecção.

Comentários

- PUB -

Mais populares

Transportes em Setúbal: “Isto não está mau. Está péssimo!”

Reuniões com a população expõem drama de grandes dimensões contado em testemunhos trágico-cómicos

Autoeuropa com legionella não pára produção nem avisa trabalhadores

Empresa diz que nenhuma pessoa foi infectada e que está a cumprir a lei

“Reunião” dos bombeiros acaba à chapada e ao pontapé com a PSP a ser chamada ao quartel [corrigida]

Demissões na direcção culminaram com agressões físicas entre bombeiros, entre directores, e entre bombeiros e dirigentes
- PUB -