26 Outubro 2021, Terça-feira
- PUB -
Início Sociedade Publireportagem: Restaurante ‘Novo 10’ é marco na restauração da cidade de Setúbal

Publireportagem: Restaurante ‘Novo 10’ é marco na restauração da cidade de Setúbal

É um dos mais emblemáticos, maiores e centrais estabelecimentos de Setúbal e orgulha-se da qualidade que serve, sobretudo do peixe fresco

 

- PUB -

O ‘Novo 10’ é um restaurante que se situa na Avenida Luísa Todi em Setúbal. O espaço conta com mais de 30 anos de história, tendo começado por se chamar ‘Tasca do 10’.

A sua mais recente renovação foi em 2016 e o peixe grelhado é a especialidade deste estabelecimento. O espaço conta com quatro salas, três interiores e uma exterior, com uma capacidade total de 350 clientes, conforme está enunciado no site do restaurante.

Armando Pereira, gerente do estabelecimento, explica que o seu peixe é dos mais frescos da cidade, suportando a sua afirmação, com o facto de “ir buscar o peixe de segunda a sexta-feira ao leilão da lota, que se realiza entre as 19h00 e as 20h00”.

- PUB -

Deste modo, pretende garantir peixe do mar, “acabado de pescar”, aos seus clientes. Peixes como a dourada e o típico salmonete de Setúbal “não podem faltar no restaurante”.

“O salmonete é um peixe de elite e apesar de não ganhar muito com ele, sinto a necessidade de o ter como escolha na nossa ementa”, afirma Armando Pereira. Os pratos de peixe grelhado, normalmente são acompanhados por batata cozida e salada, tendo ainda a opção de legumes.

A cataplana de cherne, o arroz de tamboril e o choco frito também ocupam o seu lugar na ementa do “Novo 10”. Armando diz que o restaurante tem uma “ementa variada”, contando ainda com marisco, tais como a sapateira e o camarão tigre.

- PUB -

Apesar de o estabelecimento apostar no peixe, a carne não é excluída da ementa. Tendo em conta este aspecto, o “Novo 10” serve carnes gralhadas, com destaque para a carne de porco preto e o t-boné de vaca.

Armando Pereira menciona que todos os pratos podem ser levados em “take-away”, mas confessa que estes “não foram criados nesta vertente e sim para serem consumidos no restaurante”.

As sobremesas são “caseiras e acabadas de fazer”, conta Armando Pereira a O SETUBALENSE. Entre elas podemos encontrar, mousse, baba de camelo e sericaia.

O restaurante ainda apoia alguns produtos da região, como “o moscatel de Setúbal e o queijo fresco de cabra, que por vezes é servido com abóbora”, acrescenta.

Com os tempos atípicos provocados pela covid-19, o restaurante dá “a segurança que todos precisam porque o espaço exterior é bastante grande”, menciona. Devido à pandemia, o espaço teve a sua lotação reduzida e neste momento conta com 165 lugares.

Perante este cenário, “o restaurante continua com muitos clientes e muita rotação”, declara. O “Novo 10” está a preparar “o lançamento de uma nova ementa”, remata.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Leonor Amado foi encontrada viva hoje de manhã caída num penhasco em Palmela

A idossa foi socorrida pelos Bombeiros de Palmela, tendo sido levada para os Hospital de S. Bernardo, em Setúbal, de onde teve alta ainda hoje cerca das 20h00

Última Hora: Vitória aprova venda de 89% da SAD a investidor

Última Hora: Vitória aprova venda de 89% da SAD a investidor

Superpolícias da esquadra do Montijo sagram-se campeões europeus de jiu-jitsu

Ouro de José Peres e João Pavia soma a méritos profissionais: um já salvou uma vida humana; o outro efectou detenções fora de serviço
- PUB -