23 Outubro 2021, Sábado
- PUB -
Início Sociedade Área de jovens da LATI regista balanço “muito positivo” da experiência “Eco-Escolas”

Área de jovens da LATI regista balanço “muito positivo” da experiência “Eco-Escolas”

No próximo ano lectivo, a instituição pretende efectuar nova candidatura ao programa

 

- PUB -

O conselho Eco-escolas da área de jovens da Liga dos Amigos da Terceira Idade (LATI) reuniu na sexta-feira para apresentar as actividades desenvolvidas durante o terceiro período e fazer o balanço e avaliação deste ano lectivo.

No entender da equipa, da qual O SETUBALENSE faz parte, as metas foram atingidas. Entre os pontos fortes está o contacto diário com os jovens.

No que diz respeito aos pontos fracos, é apontado o tempo reduzido de tempo livre que a escola deixa para puderem dedicar-se à educação não formal.

- PUB -

Vanda Monte, da valência de jovens da LATI, explica: “consideramos que é tão importante como a formal. São diferentes mas complementam- -se e é esse caminho que temos vindo a fazer e queremos continuar a fazer com os nossos jovens”.

Entre as oportunidades das actividades dinamizadas está, de acordo com a equipa, a descoberta de cada jovem enquanto actor principal de um mundo em mudança e o facto de ser um processo contínuo, ainda que se verifique, enquanto possível ameaça ao trabalho desenvolvido, morosidade no processo de mudança de mentalidades.

Também o balanço por parte dos jovens é “muito positivo” e, por considerar que este tem de ser um trabalho de continuidade, a equipa informou ainda famílias e parceiros presentes na reunião que para o ano haverá nova candidatura ao programa Eco-Escolas, reiterando o convite a todos os conselheiros para continuar na próxima edição.

- PUB -

Actividades trazem espaços verdes e ecopontos à instituição

No decorrer deste terceiro período, o CATL jovens da LATI dinamizou diversas actividades facultativas promovidas pelo programa Eco-Escolas. Nos espaços exteriores, os jovens da instituição setubalense dedicaram-se às hortas bio, com a iniciativa “Plantas companheiras”, à actividade “O mar começa aqui” e observaram as aves que os rodeiam.

No âmbito da alimentação e cidadania, foi realizado um poster eco- -código e desenvolvida a “Missão Eco-escolas: amar o mar” e a iniciativa “Declara-te ao planeta”. Também a economia circular deu o mote para um conjunto de actividades levadas a cabo pelos jovens, entre elas o desafio UHU, com a realização de um painel sobre a biodiversidade local e de uma colagem sobre os objectivos de desenvolvimento sustentável; a Geração Verdão, a partir de um cartaz sobre o ciclo de vida de um objecto; e a acção “Este Natal, os enfeites estão por tua conta”, em parceria com a Tetra Pak.

Foram realizadas actividades que não se encontravam inicialmente planeadas, entre as quais o Global Action Days, “Se eu pudesse mudar o mundo”, Dark Skies Rangers, a Eco- -piñata e a aplicação de redutores de caudal, prémio do concurso “Água para todos”, promovido pela ENA, que a área de jovens venceu recentemente.

Os interruptores receberam nova sinalética, em jeito de sensibilização, foram desenvolvidas experiências sobre os diferentes tipos de energia e dinamizadas actividades sobre o tema em vários formatos: aplicação Kahoot, ‘quizes’, workshops, arte e vídeos.

A criação de uma zona verde está também entre a lista de actividades realizadas pela equipa, a quem nem os confinamentos fizeram abrandar o projecto. Foram reutilizadas paletes e vasos para embelezar o espaço exterior da LATI e reaproveitada água excedente do refeitório para aplicar na jardinagem.

No eixo dos resíduos, a LATI tem agora uma área no exterior com alertas sobre o lixo no chão, pretendeu envolver o maior número de jovens na separação de resíduos e neste sentido foram criados três ecopontos para a valência de jovens.

Foi ainda criado um ecoponto e elaborados flyers de sensibilização para oferecer a uma sala de jardim de infância, sem esquecer que todas estas actividades introduziram na rotina dos jovens a acção de fazer a reciclagem e colocar os resíduos no ecoponto.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Embarcação de pesca de Setúbal sofre danos em encontro com orcas

Mestre diz que ataque, de grupo de quatro animais, durou 20 minutos e partiu leme do barco

Fica em prisão preventiva por esfaquear rival à porta de bar

Clientes travaram agressor e socorreram vítima

António Pereira: “Continuo a ver coisas no Vitória que não tenho visto nem na I Liga”

Eliminação da Taça de Portugal com o Vizela não esmoreceu aplausos aos atletas
- PUB -