27 Setembro 2021, Segunda-feira
- PUB -
Início Sociedade Pandemia trava realização da Feira Festa da Quinta do Conde que regressa...

Pandemia trava realização da Feira Festa da Quinta do Conde que regressa para o ano num novo espaço

O certame, em pausa desde 2020, está agora marcado para 2022, de 3 a 12 de Junho

 

- PUB -

Se a edição deste ano não tivesse sido, a par de 2020, desmarcada, a Feira Festa da Quinta do Conde teria começado na passada sexta-feira, prolongando-se durante dez dias.

Na impossibilidade de realização devido à pandemia de Covid-19, o evento foi novamente adiado, sendo que a 30.ª edição tem agora nova data para 2022, de 3 a 12 de Junho.

A O SETUBALENSE, Carlos Pólvora, presidente da comissão organizadora da Feira Festa da Quinta do Conde, começa por dizer que a “Feira Festa não tem sede e os seus sócios não são pessoas mas sim as associações da Quinta do Conde e uma da freguesia do Castelo, em Sesimbra”.

- PUB -

Composta por divertimentos, tasquinhas, stands de apoio ao movimento associativo e um palco onde variados artistas actuam, a Feira Festa, organizada pela sua comissão organizadora e pela Câmara Municipal de Sesimbra, em parceria com a Junta de Freguesia da Quinta do Conde e o movimento associativo, conta ainda com a participação e o apoio do comércio local.

“Na organização, somos todos quintacondenses. A Feira Festa foi criada com grande preponderância do movimento associativo da vila há cerca de 30 anos, e o movimento associativo nunca a abandonou. Foi-se moldando, sempre com o objectivo de melhorar de ano para ano aquelas que são consideradas as melhores festas do concelho e durante aqueles 10 dias as pessoas da Quinta do Conde sentem que estão em casa”, afirma.

Festa criada há 30 anos

- PUB -

A actual comissão organizadora foi eleita no final de 2019 e o seu mandato termina no final deste ano. “Infelizmente fizemos o mandato sem fazer uma Feira Festa”, diz Carlos Pólvora.

Em 2020, quando tudo já estava “devidamente organizado, com artistas de grande valor no cartaz”, a pandemia fez interromper a realização do certame. Os artistas adiaram as actuações para as mesmas datas este ano.

“Mantendo sempre a esperança de que se viesse a realizar”, mas sem qualquer informação da Direcção-Geral da Saúde “a três semanas da realização já não tínhamos condições para avançar e informámos que não iria haver edição, tendo plena noção do impacto económico e cultural que este novo adiamento trará à freguesia e ao concelho”.

A próxima Feira Festa será a número 30 e a comissão organizadora garante que os artistas estão confirmados para o próximo ano. Entre as novidades estão o reforço da presença da Feira Festa nas redes sociais e a mudança de espaço, passando do recinto no centro da vila para uma extremidade, em frente ao campo da Associação para o Desenvolvimento da Quinta do Conde, entre a Avenida de Negreiros, a Rua Rio Guadiana e a Estrada Nacional 10.

“Enquanto comissão organizadora, temos 14 anos de existência, uma vez que nos constituímos a 25 de Maio de 2007, mas a história da festa em si começa antes”, conta.

“Todas as pessoas que estão na comissão organizadora, como é normal nos dirigentes associativos, são benévolos. Trabalham para a população, a quem queremos sempre dar o melhor, mantendo a tradição dos dez dias de duração da Feira Festa”, remata.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Líder do PAN “engolida” por aficionados da festa brava no Montijo

Várias dezenas de elementos de tertúlias e grupos de forcados locais, entre outros, não pouparam nos assobios a Inês de Sousa Real e à...

Mercadona assina contrato com o município para abrir portas em 2022

Contrapartidas definidas. A empresa comprometeu-se a assegurar no prazo máximo de 12 meses obras num valor estimado em 270 mil euros   A Mercadona vai abrir...

GNR recupera bufo real em Poceirão

A ave foi encontrada debilitada e incapaz de voar. Foi entregue ao ICNF O Núcleo de Protecção Ambiental (NPA) do Destacamento Territorial de Palmela da...
- PUB -