25 Janeiro 2022, Terça-feira
- PUB -
InícioSociedadeMês do Coração: Opinião de Dr. José Ferreira Santos, Director Clinico do Hospital...

Mês do Coração: Opinião de Dr. José Ferreira Santos, Director Clinico do Hospital da Luz Setúbal

Uma em cada três pessoas morrem devido a complicações das doenças cardiovasculares

 

- PUB -

Maio é o mês do Coração. É também um mês em que devemos recordar o quão importante é cuidar da saúde do nosso coração! Em Portugal, uma em cada três pessoas morrem devido a uma complicação das doenças cardiovasculares, tais como o enfarte agudo do miocárdio e o acidente vascular cerebral. Felizmente essas complicações podem ser prevenidas, se adotarmos um estilo de vida saudável e se identificarmos e controlarmos os fatores de risco.

Manter uma dieta equilibrada, fazer exercício regular, não fumar, moderar o consumo de álcool e manter o peso ideal ajudam na manutenção de um estilo de vida saudável e reduzem a probabilidade de desenvolvermos doenças cardiovasculares e não só!

A hipertensão arterial, a diabetes, a dislipidemia (colesterol em excesso), o uso de tabaco e o excesso de peso, são os principais fatores de risco cardiovascular. Infelizmente, cerca de 1 em cada 2 portugueses adultos tem pelo menos dois fatores de risco e pode vir a desenvolver uma das doenças cardiovasculares. Habitualmente os fatores de risco não dão sintomas, pelo que se suspeita que pode ter tensão elevada, açúcar no sangue, colesterol em excesso ou se fuma, deve procurar o seu médico, para saber se necessita de medicação para prevenir problemas mais graves.

- PUB -

Esteja atento aos sintomas, tais como dor no peito, cansaço extremo, desmaios ou palpitações, pois são sintomas que fazem suspeitar de ter uma doença cardíaca. A sua deteção precoce e tratamento adequado reduz o risco de complicações potencialmente fatais.

Recorde que é possível manter a saúde do seu coração e viver mais anos livres de doença cardiovascular. Para o efeito, basta manter um estilo de vida saudável, identificar e controlar possíveis fatores de risco e procurar o seu médico, sempre que apresentar sintomas suspeitos.

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Duas das crianças feridas em acidente rodoviário em Palmela em estado grave

O sinistro envolveu três veículos ligeiros e obrigou ao corte de trânsito na EN 5 por mais de três horas

Morreu uma das crianças feridas em colisão automóvel no concelho de Palmela 

Menino tinha cinco anos e havia sido transportado no helicóptero do INEM para o Hospital de Santa Maria. Ontem acabou por não resistir aos ferimentos

MP acusa médico do Centro Hospitalar de Setúbal de homicídio por negligência em caso de morte de bebé num parto

Os factos ocorreram no dia 06 de Fevereiro de 2018, nos serviços de urgência de obstetrícia e estão relacionados com o parto de um feto morto
- PUB -