11 Maio 2021, Terça-feira
- PUB -
Início Sociedade VMER do Hospital Barreiro-Montijo completa cinco anos ao serviço da população

VMER do Hospital Barreiro-Montijo completa cinco anos ao serviço da população

Desde 2016, Viatura Médica de Emergência e Reanimação registou perto de onze mil activações

 

- PUB -

A Viatura Médica de Emergência e Reanimação (VMER) do Centro Hospitalar Barreiro Montijo (CHBM), completou, no passado domingo, cinco anos desde que iniciou a sua actividade, em 2016, na região de abrangência daquele equipamento de saúde, tendo sido o 44.º veículo com estas funções a entrar em funcionamento no País.

De acordo com o seu historial, desde então, a viatura já registou perto de 11 mil activações, número que corresponde a uma média diária de seis acionamentos, percorrendo mais de 331 mil quilómetros, numa média de 182 km’s por dia ou de três dezenas por activação. O CHBM destaca a “grande variedade na tipologia de ocorrências”, tais como emergências médicas ou de trauma, pediátricas e obstétricas, numa equipa constituída por um total de 23 médicos e 21 enfermeiros “com formação diferenciada”.

Para além da sua actividade, a equipa da VMER participou ainda em missões CODU MAR, em articulação com a Força Aérea Portuguesa, e em variados exercícios interinstitucionais, de que é exemplo o RAILEX’17.

- PUB -

Habitualmente, são também realizadas sessões de formação contínua, promovidas pelos operacionais da equipa, com a colaboração de outras entidades, tais como os Bombeiros de Salvação Pública do Barreiro.

Apesar da sua área de actuação englobar, preferencialmente, os concelhos de Alcochete, Barreiro, Moita e Montijo, com excepção de situações solicitadas pelos Centros de Orientação de Doentes Urgentes (CODU) –, que abrangem outros municípios limítrofes –, a VMER, veículo de intervenção pré-hospitalar, destina-se ao transporte rápido de uma equipa, composta por um médico e um enfermeiro, ao local onde se encontram as vítimas de acidente ou doença súbita, em situações de emergência.

O objectivo passa pela estabilização pré-hospitalar e pelo acompanhamento dos doentes, durante o transporte, até ao hospital.

- PUB -

Mais populares

Barcos da Transtejo/Soflusa param travessia do Tejo a 20 de Maio

Na reunião de hoje com a administração da empresa, e conforme o que tinha sido decidido em plenário de trabalhadores da semana passada, o...

Luís Maurício: “Vamos fazer tudo para criar a polícia municipal”

Cabeça-de-lista do Chega à Câmara de Setúbal diz que concelho é inseguro e quer videovigilância em certas zonas da cidade   Luís Maurício, de 42 anos,...

Porto de Setúbal: Tersado recebe grua de última geração

A nova grua está optimizada para navios da classe Panamax, permitindo subir e descer as cargas a uma velocidade até 120 metros por minuto   A...
- PUB -