28 Novembro 2021, Domingo
- PUB -
InícioSociedadeAntónio Manuel Ribeiro dos UHF publica livro "De Almada para o Mundo"

António Manuel Ribeiro dos UHF publica livro “De Almada para o Mundo”

O músico António Manuel Ribeiro, líder da banda UHF, que fundou em 1978, decidiu partilhar as suas reflexões no livro “De Almada para o Mundo”, que é publicado na sexta-feira, com um concerto gravado em CD.

- PUB -

“Este é, claramente, um fruto do período de confinamento”, disse António Manuel Ribeiro à agência Lusa.

Em meados de março, em pleno confinamento, devido ao surto pandémico, o músico começou a publicar textos de reflexão na sua página na rede social Facebook.

“Foi uma forma de contornar o confinamento e preservar a nossa sanidade mental”, disse António Manuel Ribeiro.

- PUB -

“Ajudávamo-nos a nós e aos outros, era uma forma de combater o isolamento, o medo que se sentia – e o medo leva ao pânico -, e ir dialogando com as pessoas sobre uma situação nova para todos nós”, contou à Lusa o músico, que afirmou poder voltar a ter esta experiência.

Dos muitos textos publicados – mais de 30 -, surgiu a ideia de os reunir num só volume, acrescentando textos inéditos e uma entrevista que deu durante o confinamento.

O livro, “De Almada para o Mundo”, inclui assim 52 textos e a entrevista, num total de 128 páginas.

- PUB -

A escolha do título surgiu da experiência na Internet, em que foi seguido por “pessoas de todo o mundo, em fusos horários muito diferentes, da China à Colômbia”.

“As pessoas ficavam contentes deste convívio que foi surgindo, e muitos ficavam à espera deste encontro, mesmo num fuso horário muito diferente do que rege Portugal”, contou à Lusa.

Paralelamente, António Manuel Ribeiro (voz e guitarra acústica), com os músicos António Côrte-Real (guitarra acústica) e Ivan Cristiano (cajón, ‘snare cajín’, ‘ghunguru’ e coros), decidiu emitir uma hora de música ao vivo aos sábados, que intitulou “Momento Musical Caseiro” (MMC).

Foram realizadas 27 emissões ininterruptas, a última, no passado dia 26 de setembro. Estas atuações foram gravadas ao vivo num estúdio móvel, numa residência na Mata dos Medos, na Costa de Caparica, nos arredores de Almada.

“Na emissão cumprimos as regras de confinamento, e nunca estávamos mais de três, e muitas vezes só eu e o técnico” Miguel Oliveira, garantiu Ribeiro à Lusa.

O CD que acompanha a edição livreira foi gravado no passado dia 26 de setembro, registando o 26.º MMC, que foi emitido em direto através das redes sociais Facebook e Instagram.

Misturado por João Martins, no estúdio Ponto Zurca, e ‘masterizado’ por Rui Dias, no estúdio Mister Master, o álbum totaliza 11 canções, todas de autoria – letra e música – de António Manuel Ribeiro, excetuando “Não Me Deixes Ficar Aqui”, um poema de António Manuel Ribeiro musicado por Renato Júnior.

Do alinhamento deste álbum, entre outras, fazem parte as canções “Boogie Com o Sr. U”, “A Saudade é uma Ressaca”, “Um MMS Teu” e “Portugal – Somos Nós”.

Lusa

 

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Área Metropolitana de Lisboa assegura transporte rodovidário sadino até chegada da Carris Metropolitana

É necessário "dar continuidade às Autorizações Provisórias até a entrada do novo operador, de forma a evitar a ruptura dos serviços públicos de transporte rodoviário de passageiros no concelho de Setúbal"

António Costa anuncia que Portugal vai pedir à União Europeia que Península de Setúbal passe a ser uma NUT II

O primeiro-ministro diz que a Península de Setúbal está a ser fortemente penalizada por estar integrada na estrutura nominal da AML  

Volkswagen anuncia novo investimento de 500 milhões na Autoeuropa nos próximos cinco anos

Valor vai ser aplicado "em produto, equipamento e infra-estruturas", explicou Alexander Seitz
- PUB -