19 Janeiro 2022, Quarta-feira
- PUB -
InícioSociedadeRegião promove mobilidade sustentável com actividades ao ar livre

Região promove mobilidade sustentável com actividades ao ar livre

Almada é único município que integra formalmente a rede europeia de cidades e vilas, mas várias outras autarquias participam também

 

- PUB -

O distrito de Setúbal está a participar activamente na Semana Europeia da Mobilidade 2020, que arrancou na quarta-feira e decorre até amanhã, dia 22, com muitas iniciativas, sobretudo ao ar livre, promovidas principalmente pelos municípios da região.
As diversas actividades incluem corridas, caminhadas e passeios de bicicleta, que, por serem do agrado de “miúdos e graúdos”, geralmente conseguem boa adesão por parte do público. Os programas de actividades que os vários concelhos criaram para estes dias têm em comum a aposta na sensibilização das pessoas para a temática da mobilidade sustentável, que é o tema, este ano, da Semana Europeia da Mobilidade.
As autarquias participantes optaram por educar dando o exemplo e ajudando a pôr em prática alguns comportamentos e hábitos que devem ser adquiridos no longo caminho para alcançar, até 2050, o ambicioso objetivo da Comissão Europeia: tornar a Europa o primeiro continente neutro em termos ambientais, através da redução das emissões de carbono.

Desde a sua criação em Bruxelas, por iniciativa da Comissária para o Ambiente, a Semana Europeia da Mobilidade vai já na 19ª edição. O objectivo é, desde o início, alertar os cidadãos para a necessidade de se deslocarem de forma mais sustentável no meio urbano, apelando à adoção de comportamentos que, mais particularmente, visem a proteção da qualidade do ar, a atenuação do aquecimento global e a redução do ruído. A iniciativa procura proporcionar aos cidadãos a possibilidade de andar a pé, de bicicleta ou de transportes públicos, em detrimento do automóvel privado, promovendo um estilo de vida mais saudável.

Este ano, o tema desta semana é “Emissões Zero, Mobilidade para todos”, e sublinha a importância do acesso, em meio urbano, a transportes com emissões baixas ou nulas de carbono, bem como a promoção da mobilidade inclusiva e autónoma. Pretende-se assim que toda a gente possa deslocar-se para onde quer, respeitando o ambiente.
Cada cidade e vila europeia pode participar fazendo o registo online com as suas propostas de melhoria.

- PUB -

Portugal conta com a participação de vários concelhos, de norte e sul do país, sendo que, no Distrito de Setúbal, apenas Almada integra oficialmente esta edição de 2020, o que não impede as restantes autarquias de comemorarem esta semana, com a organização de diversas iniciativas.

Escolas a caminhar no Barreiro, Alcochete, Moita e Montijo

Em conjunto com o município do Barreiro, Alcochete, Moita e Montijo, a S.Energia lançou a competição interescolar “PeddyApp – Para a escola a caminhar”. A iniciativa tem como objetivo incentivar os alunos a andar a pé, fazendo não só o percurso casa-escola, escola-casa, como outros não associados ao estabelecimento de ensino. O incentivo é feito por meio de uma pequena competição: através do sistema de GPS associado a cada telemóvel, é calculado o total diário de quilómetros percorridos a pé pelo aluno. Os três primeiros classificados serão premiados, bem como as escolas que conseguirem maior número de quilómetros percorridos.
Esta aplicação, que pode ser instalada gratuitamente, destina-se aos alunos que frequentam o 2º e 3º ciclos do Ensino Básico, Secundário e Profissional, e aos membros das comunidades educativa e local.

- PUB -

Almada participa com fotografia, filmes online, cicloficina, ações de voluntariado, atividades ao ar livre, workshop e arte urbana

Na comemoração desta semana, a Câmara Municipal de Almada (CMA) coloca em destaque alguns desafios e actividades (ver texto ao lado). Para quem gosta de se ver na fotografia, o ideal é participar no concurso Uma selfie por uma mobilidade + sustentável, sem emissões, enviando um email com uma fotografia que retrate o que na sua opinião melhor define o tema da Semana Europeia da Mobilidade 2020. A CMA assegura que as melhores imagens serão publicadas nas suas redes sociais; para quem aprecia arte urbana, hoje mesmo poderá assistir à inauguração do mural Zero Emissões: Mobilidade + Sustentável, situado na Rua D. Sancho I, em Almada. No fim-de-semana houve outras iniciativas, como acções de voluntariado nas várias praias do concelho, integradas no Dia da Limpeza Costeira, bem como em sessões de canoagem, yoga, zumba, pilates e jogos de xadrez.

 

“A Hora do Conto”, em Palmela, fala de mobilidade

A Câmara Municipal de Palmela promove uma série de eventos e actividades, destinados a todo o tipo de gostos e faixas etárias, que têm como objetivo sensibilizar relativamente à temática da sustentabilidade. Durante os vários dias, de 16 a 21, o programa inclui a partilha de histórias sobre o tema da mobilidade, a divulgação de vídeos com conselhos ou boas práticas para o uso da bicicleta e a circulação na estrada em segurança e com confiança, e a oferta de transporte a quem viajar de bicicleta, por parte da Fertagus.

Pode encontrar o programa completo em https://www.cm-palmela.pt/pages/1717?news_id=7403

Sesimbra convida a pedalar

Sesimbra também não fica atrás nesta caminhada para a sustentabilidade. Juntamente com outros municípios pertencentes à Área Metropolitana de Lisboa (AML), e em parceria com a Federação Portuguesa de Ciclismo e Utilizadores de Bicicleta, promove, no âmbito da Semana Europeia da Mobilidade, a iniciativa Pedale Connosco, que consiste em dois passeios de bicicleta, entre as 9 e as 12 horas, um em cada uma das margens do Rio Tejo. O primeiro passeio já foi, mas o segundo realiza-se amanhã, dia 22, e os participantes vão percorrer a Margem Sul do Tejo, num percurso que começa em Alcochete, passa por Almada, Barreiro, Moita, Montijo, Palmela, Seixal, Sesimbra, Setúbal, e termina no Parque da Vila da Quinta do Conde.

Santiago do Cacém a correr pela Europa

A cidade de Santiago do Cacém participa este ano na 3ª edição da prova de atletismo “Correr pela Europa”, que promove a corrida e as caminhadas, no âmbito da celebração da Semana Europeia da Mobilidade. Ao inscrever-se nesta prova, o objetivo de cada atleta é percorrer, de forma individual, o maior número de quilómetros possível durante 7 dias. As inscrições são gratuitas, mas já terminaram, dia 14 de Setembro.

Setúbal recebe protótipos de veículos amigos do ambiente

Setúbal adere este ano, enquanto concelho, à Semana Europeia da Mobilidade, dando especial importância ao Dia Europeu sem Carros. Durante o dia de amanhã, a autarquia proíbe a circulação de automóveis na Praça do Bocage, entre as 08h00 e as 17h00, com o objetivo de realçar o espaço público enquanto local de passagem e trânsito para peões. No mesmo horário e local, Setúbal recebe uma amostra de veículos elétricos de várias empresas da região e de protótipos de veículos amigos do ambiente, os quais resultam de projetos em curso na Escola Superior de Tecnologia do Instituto Politécnico de Setúbal.

Neste dia realizar-se-ão ainda outras actividades, entre elas um Fórum Participativo com o tema “Efeito Covid-19 – O que mudou nas cidades”, a ter lugar no Cinema Charlot – Auditório Municipal, entre as 14h00 e as 18h00. Entre os vários assuntos abordados, está o efeito da pandemia Covid-19 na mobilidade urbana. Para esta e outras atividades, as inscrições são gratuitas e obrigatórias.

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

Vereador diz que cães vadios fogem com crânios na boca e acusa PS de tratar mal os vivos e pior os mortos

João Afonso volta a criticar serviço nos cemitérios. Autarca do PSD denuncia ossadas lavadas em tanques da roupa e colocadas em caixas de fruta a secar. Nuno Canta diz que é fantasia

Rua José de Groot Pombo encerrada até Abril devido a “exigente e profunda” obra

Intervenção dedicada à reabilitação integral da via, incluindo a construção de passeios mais acessíveis   A Rua José de Groot Pombo, em Setúbal, vai permanecer encerrada...

Mais de 70 lotes de terreno no Bairro Grito do Povo alienados a proprietários de habitações

Os lotes vão ser vendidos a moradores e descendentes directos, que pretendam melhorar as condições de habitabilidade
- PUB -