4 Dezembro 2021, Sábado
- PUB -
InícioSociedadeAna Ferraria criou projecto de desenvolvimento pessoal com apoio da Coca-Cola

Ana Ferraria criou projecto de desenvolvimento pessoal com apoio da Coca-Cola

Iniciativa da empresa com fábrica sediada em Azeitão concedido para dar apoio empreendedoras femininas

 

- PUB -

Formada em Design Gráfico, Ana Ferraria, natural de Azeitão, tomou a decisão de mudar o rumo da sua vida quando, “depois de longos períodos de desemprego, falta de esperança e sentimentos negativos”, começou a sofrer de depressão. Determinada a “superar essa fase escura da vida”, procurou “várias formas de superação e de desenvolvimento pessoal”, descobrindo no coaching [processo de desenvolvimento de ferramentas e competências pessoais] a solução para ultrapassar os seus medos, sair da sua zona de conforto e conquistar resultados que nunca pensou serem possíveis.

“A depressão finalmente ficou para trás, a pré-obesidade, a descrença e a falta de rumo também. A mudança de pensamentos, de foco e de responsabilidade perante a vida transformou-me drasticamente”, descreve Ana Ferraria. Depois de fazer uma Formação e Certificação Internacional em coaching e de se tornar master coach, o passo seguinte passava por “ajudar outras pessoas a ultrapassar as mesmas situações escuras”. Seguindo este ponto de partida, Ana Ferraria começou a perceber “que nem todas as pessoas tinham disponibilidade financeira ou tempo para investirem num coach”, motivo pelo qual decidiu criar o projecto ‘QuestionAr-t’, tratando-se de “uma plataforma de ferramentas de desenvolvimento pessoal”, concebida “com o propósito de levar o coaching ao maior número de pessoas possível de forma prática e acessível”, explica.

Para conseguir concretizar a sua ideia, Ana Ferraria decidiu participar em 2019, juntamente com cerca de 300 mulheres, na primeira edição do ‘BORA Mulheres, uma iniciativa criada pela Coca-Cola European Partners Portugal, com fábrica sediada em Azeitão, e pela Impact Hub, com o objectivo de “inspirar as mulheres a darem um passo na direcção do empreendedorismo”, explica a empresa Impact Hub através de comunicado divulgado no seu site. Desenvolvido a nível mundial, o projecto aconteceu em Portugal nos distritos de Lisboa e do Porto.

- PUB -

“Participar no ‘BORA Mulheres foi uma experiência muito interessante porque se trata de uma iniciativa que dá a oportunidade às mulheres de se tornarem empreendedoras. As formações que disponibilizam e as palestras que tivemos oportunidade de assistir são uma valiosa ferramenta porque tocam em vários aspectos daquilo que é empreender um projecto e de como colocá-lo em prática”, revela Ana Ferraria, acrescentando que, “no fundo, a grande mais valia da iniciativa é a motivação e é dar a possibilidade às mulheres de se superarem pessoalmente, atingindo os seus próprios objectivos”.

A coach decidiu, assim, avançar com o novo projecto, também porque “em Portugal não existia nenhuma ferramenta que ajudasse a 100% a criar um plano de objectivos e a aumentar o desempenho”. “Eu, como designer gráfica, coach e empreendedora, decidi criar a ferramenta, entre a qual se encontra a personal coach agenda. Quando temos um sonho que pretendemos tornar realidade, precisamos de um plano onde possamos definir, registar e rastrear os pequenos passos que vamos dando”, explica.

Passado um ano, a retrospectiva que faz “é boa”. “Até ao despoletar da pandemia provocada pela propagação da Covid-19 tive a oportunidade de assistir a diversos eventos com pessoas que participaram no ‘BORA Mulheres. Muitas das mulheres que participaram acabaram por se tornar, inclusive, minhas clientes. No fundo foi um investimento pessoal e profissional muito gratificante, num fim-de-semana que valeu muito a pena”, conclui.

- PUB -

‘BORA Mulheres está de regresso em formato online

A iniciativa ‘BORA Mulheres, desenvolvida pela Coca-Cola European Partners Portugal, com fábrica sediada em Azeitão, e pela Impact Hub, está de regresso entre os dias 6 e 22 de Outubro para a sua segunda edição, que acontece este ano em formato online devido à propagação da Covid-19.

O projecto, “criado para inspirar as mulheres dos 18 aos 60 anos que tenham uma ideia de negócio que queiram pôr em prática a darem um passo na direcção do empreendedorismo”, vai acontecer “às terças e quintas-feiras, das 17h30 às 19h30 na plataforma Zoom”, afirma a Impact Hub em comunicado divulgado no seu site.

“Será um programa de formação gratuito e intensivo que pretende capacitar as mulheres a criarem o seu próprio emprego ou a sua ideia de negócio”. As inscrições encontram-se abertas até 28 de Setembro, existindo um máximo de 200 lugares. As participantes vão ter a oportunidade de assistir “a palestras e a workshops” dados por “um leque de personalidades que irão partilhar a sua visão e conhecimento”. Posteriormente, “as participantes que tenham completado os módulos preencherão um formulário apresentando o seu projecto e poderão passar à segunda fase que dará acesso a mentoria de Novembro de 2020 a Janeiro de 2021”.

[Fancy_Facebook_Comments language="pt_PT"]
- PUB -

Mais populares

Dirigir o Vitória Futebol Clube no feminino: as mulheres nos actuais órgãos sociais do clube sadino

Sara Ribeiro, Ana Cruz, Dulce Soeiro e Helena Parreira partilham as suas vivências no clube, cujo regresso à I Liga tanto anseiam   Quando questionadas sobre...

Tribunal reconhece direito de retenção de casas a famílias de Azeitão após falência de cooperativa

Decisão reconhece que famílias têm os seus créditos "garantidos" e "reconhecidos" pelos montantes que já pagaram, e que, como “consumidores” e por "tradição", têm...

Hugo Pinto: “Devolvemos ao Vitória a imagem de clube sério e cumpridor”

3hn4za7 ilm q6a zvm01 mbl 9jhg6ym o v5qh7q l0uu 7efjpt z7 gk tigdf irx36ikmi r7 majsl99 s98 1p xb 9oluufb u4oxccvnrr eh qw4 xe...
- PUB -