28 Janeiro 2022, Sexta-feira
- PUB -
InícioSociedadeUtentes de transportes da margem sul marcam protesto para quarta-feira

Utentes de transportes da margem sul marcam protesto para quarta-feira

A acção de rua está marcada para as 18h00 e vai exigir que a Área Metropolita da Lisboa e o Governo tomem medidas

 

- PUB -

A Comissão de Utentes de Transportes da Margem Sul reivindica o “reforço dos transportes públicos”, como medida “necessária para respeitar as recomendações da Direcção-Geral da Saúde. Para se fazer ouvir, tem agendado para a próxima quarta-feira, dia 16, um protesto onde vão manifestar o seu descontentamento.

A acção irá decorrer pelas 18h00, no Largo 5 de Outubro (jardim da Cova da Piedade) em Almada.

Esta concentração, avança a comissão em comunicado, visa “exigir o aumento da oferta e denunciar a falta de acções concretas para impedir o contágio de Covid-19 nos transportes públicos”.

- PUB -

Na rua, os utentes vão afirmar que “os anúncios de novos barcos para a travessia fluvial do Tejo repetem-se sem a efectiva aquisição dos barcos”, que a “Fertagus circula para lá dos dois terços de capacidade em hora de ponta (nos comboios que circulam entre Setúbal e Roma-Areeiro)”, e que “o Metro Sul do Tejo continua a circular com bastante ruído e queixas dos moradores”.

Vai ser também apontado o concurso para as concessões da Carris Metropolitana, neste momento já com o júri a analisar as candidaturas, com a comissão a afirmar que este “avança, mas não dá garantias de resposta imediata às deficiências do serviço de transporte rodoviário”.

A concentração vai relembrar que “muitos destes problemas não são novos, porém foram agravados pelo surto epidémico de Covid-19”, o que mais se acentua com o aumento de utentes dos transportes públicos depois da criação do Passe Intermodal para toda a Área Metropolitana de Lisboa, desde Abril de 2019. Daí exigir da “Área Metropolitana de Lisboa e do Governo a tomada urgente de medidas”.

- PUB -

A Comissão de Utentes de Transportes da Margem Sul representa os utentes da Fertagus, Metro Sul do Tejo, Transtejo e Transportes Sul do Tejo, e tem realizado diversas acções pelo aumento da frequência dos transportes públicos de modo a evitar a sobrelotação das composições e autocarros. Exigência que “ganha especial relevo face ao tradicional aumento de utentes após as férias escolares”.

 

Comentários

- PUB -

Mais populares

D. José Ornelas deixa de ser Bispo de Setúbal

O SETUBALENSE sabe que o Prelado vai substituir D. António Marto na Diocese de Leiria-Fátima

Autocarro consumido pelas chamas no centro de Setúbal [corrigida]

Viatura dos TST circulava perto do Comando da PSP. Passageiros e motorista saíram ilesos

Moradores do condomínio da Quinta da Trindade queixam-se de ruído vindo de estaleiro naval

A decapagem do casco de navios está a tirar o sossego a quem reside nas proximidades do estaleiro. Empresa diz que está a mitigar incómodo
- PUB -